Início / Arquivos / Aplicativos e Software /

Matt Zimmerman, CTO da Canonical, deixa o cargo

Paulo Graveheart

Por

Notícia
Achados do TB Achados do TB

As melhores ofertas,
sem rabo preso 💰

Pouco tempo depois do lançamento do Ubuntu 11.04, uma nota no blog da Canonical tomou todos de surpresa: Matt Zimmerman, CTO (Chief Technology Officer, o executivo-chefe de tecnologia) da empresa, está de saída depois de sete anos de trabalho árduo.

Tchau!

No post de despedida, Matt explica os motivos que o levaram a sair da Canonical, empresa que em muitos sentidos ele ajudou a criar (tradução livre)

“Eu me juntei à Canonical em junho de 2004 como um membro do time inicial, antes mesmo de termos um nome para a empresa. Em junho de 2011, depois de quase sete anos como CTO do Ubuntu, eu estou deixando a Canonical em busca de novos desafios.

(…) Depois de sete anos, é a hora certa de sair dessa posição, onde eu tenho tanto suporte dos meus colegas, e me arriscar em algo novo. (…) Eu pretendo continuar envolvido com a comunidade do Ubuntu, mantendo minha posição no Conselho Técnico atual, e talvez até mesmo fazer uma contribuição técnica ocasional como um voluntário.”

Matt também assegurou a todos que estará no Ubuntu Developer Summit, encontro de desenvolvedores Ubuntu que acontece essa semana, em Budapeste, onde ele aproveitará para encontrar alguns amigos e já começar a transição para seu novo papel no projeto.

Ainda não há nenhum nome apontado para substituir Matt, mas o que não falta na comunidade Linux é gente profissional e capacitada. O que se espera, independente de quem fique em seu lugar, é que o Ubuntu continue sendo uma distribuição de peso no mercado.