Adam Ostrow, do site Mashable,utilizou uma analogia que achei excelente…

Se as redes sociais estivessem num jogo de War, quase todos países do tabuleiro estariam pesadamente ocupados por peças azul-marinhas do Facebook nesse momento.”

De fato, o Facebook é a rede social predominante nos EUA e na maioria da Europa. Com suporte a diversas línguas, cresce rapidamente na Ásia e na América do Sul também.

Mas adivinhe em qual importante mercado o Facebook ainda engatinha? Sim, aqui, no nosso Brasil brasileiro, terra onde, além de palmeiras onde cantam sabiás, temos o massivo domínio da rede social do Google. De fato, o Orkut é o segundo site mais popular do país, enquanto o Facebook ocupa apenas a 25ª posição.Mas o Facebook resolveu fazer alguma coisa a esse respeito.

ud6 Numa jogada bastante inteligente, ele está lançando uma ferramenta para facilitar a migração de quem vem do Orkut, permitindo importar seus amigos para o Facebook. Assim novos usuários do Facebook já começam com uma rede construída com todos seus amigos do Orkut que já estão no Facebook também.

A ferramenta faz uso da funcionalidade do orkut de exportar seus contatos no formato CSV. Tudo o que é preciso fazer é exportar essa lista pelo orkut e importá-la no Facebook, então ele irá encontrar quais dos seus amigos do Orkut já possuem Facebook e enviará convites de amizade a eles.

Estaria o Facebook se aproximando cada vez mais de seus planos de dominação global? E será que o Google deixará a penetração do Facebook no Brasil acontecer sem oferecer resistência? Não percam as cenas dos próximos capítulos… [via Mashable, mas a dica original é do @crisdias]

Importe seus amigos do Orkut em 3 passos simples.

Importe seus amigos do Orkut em 3 passos simples.

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Fabiano
Só não uso muito o facebook por não ter comunidades e fórum atraentes como os do orkut... Uso mais o Face para contatos com amigos americanos.
Filipe Silva
Ou não, eles vão invadir também o Facebook ?!?!? Já estão em peso no Twitter... o que será da internet!!! Brincadeiras a parte, tomara que o Linkedin nao queira entrar em peso no mercado brasileiro, se não vai ser um tal de gente pedindo emprego por lá.