Desenvolvedores do meu Brasil, a Sony Ericsson pode se tornar a sua melhor amiga. Se você cria aplicativos para Android, fique sabendo que a empresa vai liberar a troca do boot loader do sistema do Google. Isso só ocorrerá em alguns aparelhos selecionados, mas é melhor do que a proibição geral que existe atualmente.

De modo geral, os seguintes aparelhos da linha Xperia admitirão a troca de boot loader: Xperia Arc, Xperia Neo, Xperia Pro e Xperia Play. Mas não é tão simples quanto pode parecer, pois haverá diversas restrições.

A Sony Ericsson explicou que o aparelho tem que estar livre e desimpedido para que o boot loader seja trocado com sucesso. Para início de conversa, tem que estar desbloqueado no que diz respeito ao SIM Card. Ou seja, se você usa um Xperia comprado por meio da loja de alguma operadora, corre o risco de não ter acesso a esse recurso nunca.

De acordo com a empresa, a melhor maneira de saber se o aparelho permite a troca de boot loader é por meio do Fastboot, uma ferramenta integrada ao Android SDK. “Se o seu aparelho pode se conectar ao Fastboot, o boot loader pode ser trocado”. Em breve a empresa pretende colocar no ar uma página especial para que o usuário informe o IMEI do aparelho e, em seguida, receba a chave para destravar o uso do Fastboot.

Esse tipo de liberação não havia sido feito até agora por questões contratuais, é o que afirma a Sony Ericsson. Além disso, a empresa diz que não havia uma forma segura de permitir que o desenvolvedor trocasse de boot loader.

Ao realizar o procedimento, a garantia do aparelho poderá ser perdida. A rede de assistência técnica poderá se recusar a receber um aparelho modificado, e ainda há a possibilidade da Sony Ericsson cobrar taxas extras para realizar reparos. O mesmo vale para quem trocar de boot loader e instalar um novo ROM do Android que possivelmente não foi testado pela companhia.

Em outras palavras, o usuário até tem como proceder para trocar de boot loader, mas as restrições são várias, bem como os riscos.

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Samarone Lopes
@CaioFurtado, o android deve ser open source, não o bootloader. O bootloader carrega o sistema, não é o sistema. Esse movimento da SE é louvável e como é uma mudança de risco nada mais correto que você perca a garantia. E ainda como foi comentado, seria: PODERÁ perder. Porque na assistencia é que o caras vão descobrir o que você realmente fez no aparelho. Abs
@Masterwebinter
Quer dizer que se eu troco de ROM e minha bateria queima a culpa é toda minha? É uma cilada, Bino.
Rardgi
Mais um aqui. Por enquanto, não troco o meu HTC por nada, aliás, até troco, mas só por outro HTC rs
@uatafoc
Me expressei mal. O bootloader na realidade não influencia tanta coisa no android como o @andradevini bem falou abaixo. Quanto a acesso root e outra imagem de recovery que é o interessa pra modding o Xperia X10 caiu tem um tempinho já (06/2010). Muito pela falta de interesse no aparelho. http://forum.xda-developers.com/showthread.php?t=711907 E nesse sentido nenhum fabricante ainda conseguiu algo efetivo.
Alexandre
Teu exemplo foi o melhor. thumbs up!
Lofwyr
Se tiver medo de dar merda... não o faça. Utilize o telefone apenas com as atualizações fornecidas pela SonyEricsson e sua operadora, e tudo ficará bem. Voltando a analogia do carro, é como optar por ir somente na autorizada, ou então levar seu carro ao seu 'mechânico' favorito ou você mesmo tentar 'tunar' o motor... você pode, mas a garantia vai embora.
Lofwyr
A Sony conseguiu... o Xperia X10 está aí, quase saindo de linha, e o bootloader continua são e salvo. Agora é que começaram a surgir os primeiros testes de uma opção que permite 'ignorar' o bootloader... mas ainda são testes bastante prematuros.
Lofwyr
Cara, é muito simples. Imagine se a SonyEricsson fizesse carros... ela poderia te vender o carro com o capô trancado com um cadeado superseguro e impossível de abrir... e todo mundo que quisesse mexer no motor iria reclamar. Agora ela está tirando o cadeado, porém avisando que se você mesmo mexer no motor, está por sua conta e risco quanto à garantia. O mesmo vale para QUALQUER outro setor de produtos. Veja sua máquina de lavar por exemplo. Você "PODE" pegar uma chave de fenda e desmontá-la inteira... porém isto viola a garantia. A única diferença aqui é que a barreira não é física, é um softare. Mas da mesma maneira, cabe ao usuário assumir os riscos, ou simplesmente não "abrir o capô do motor".
Caio Furtado
Opa, eles estão liberando algo open-source?! Muito bom saber disso...
@andradevini
hum... o boot loader não tem diferença no android.
e.ricardo
Tenso isso poder e a garantia não cobrir, eae como faz se der merda seu 06 ?
@uatafoc
A questão não é liberar o bootloader e sim qual fabricante vai MESMO conseguir bloquear. Até agora nenhum...
@brunogdb
Se não tiver, vai poder ter mesmo depois dessa, ficou mais fácil para a comunidade livre atualizar :P
Ramon Melo
Eu mesmo prefiro HTC, justamente por este motivo. Mas se a Sony-Ericsson cair nas graças dos devs independentes, tudo muda!
Alexandre
ah sim, todas as operadoras sao obrigadas a desbloquear. mas o artigo se refere ao bootloader do android, ou seja, se refere a mudanças de software, precisamente , no android. o android eh querido justamente por isso, vc pode customiza-lo, com riscos, ao seu bel prazer. e isso nao significa em trocar icones da homescreen, mas fazer mudanças profundas no sistema como overclock, emular outros codecs de som e imagem. isso pode deixar seu telefone muito mais rapido.
Exibir mais comentários