Início » Arquivos » Celular » Honeycomb não poderá ser instalado em smartphones

Honeycomb não poderá ser instalado em smartphones

Google embarga temporariamente o código-fonte do Android 3.0.

Avatar Por

Continuamos aguardando ansiosamente pela liberação do código-fonte do Android 3.0 (Honeycomb), aquele que foi desenvolvido especificamente para tablets. E, se depender do Google, é bom que nós nos sentemos confortavelmente para desfrutar essa espera. A empresa não tem planos de abrir o código do sistema por enquanto.

Mais | Saiba todos os nomes e sabores do Android

Andy Rubin, o vice-presidente para engenharia do Google, disse à Business Week que será impossível evitar que os desenvolvedores coloquem o Honeycomb em smartphones. Como o sistema foi feito pensando nos tablets, a experiência de uso seria péssima nesses dispositivos.

E quem perde com isso? O consumidor, que compra um produto achando que vai ter um excelente sistema para smarts, mas leva um sistema lindo em tablets porcamente adaptado para smart.

Motorola Xoom, o primeiro tablet a rodar Honeycomb (imagem: divulgação)

Rubin jura que o Android é um projeto open-source. Contudo, os amigos do Gizmodo Brasil levantam a polêmica: se realmente fosse aberto, até mesmo o desenvolvimento do Android passaria pela comunidade. Não é o que acontece. Existe uma coligação de empresas que apoia e ajuda no desenvolvimento do sistema, porém não é segredo para ninguém que a palavra final sobre tudo envolvendo Android é dada pelo Google.

O Honeycomb foi desenvolvido muito rapidamente, de acordo com Rubin, tendo os tablets em vista. O Google não considerou os diversos cenários em que ele eventualmente poderia ser usado, muitos desses resultando em uma experiência (como o próprio executivo afirma) negativa.

Na dúvida, o Google embargou o código-fonte do Android 3.0. Até quando?

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Gabriel Bemfica
Por isso eu curto o XDA: Estão portando o Honeycomb pros dois primeiros celulares com Android lançados, HTC G1 e Magic: http://forum.xda-developers.com/showthread.php?t=974038
Jairo
O Android não está queimado... e sim torrado !
Thiago Vinicius
2.10, 2.11, 2.12...
Caio Furtado
Open-source fechado. É sinal dos tempos mesmo...
Marcio
É mais o menos o seguinte, a Google esta dizendo, obedeço à lei só quando eu quiser. O Android é baseado no Linux e em outros softwares livres, por isto a Google não pode fechar o Android ao se belo prazer. É muito sintomático, este tipo de atitude. Espero que eles voltem atras, ou que apareça, alguém com o dinheiro e vontade para faze-los cumprir a lei.
Rafael The Mist
Para piorar ou para tentar se redimir?
Rardgi
Tem anos pela frente, já que cada versão sai a cada 6 meses.
e.ricardo
Se o código você não abrir problemas com licença ira enfrentar.
Vinícius Andrade
quem manda é a google nisso tudo =]
Guilherme Reis
Aham... como se dependesse do Google querer liberar ou não, né? Eu nunca uso versões oficiais do Android. As customizadas pela comunidade de desenvolvedores é sempre superior. Com o honeycomb será a mesma coisa. Óbvio que os desenvolvedores irão fazer versões dela para diversos aparelhos!
Marcelo
Gozado. Se fosse a Microsoft todo mundo estaria metendo o pau no Bill Gates, mas como é a Google esta tudo certo.
Ramon Melo
Para quem está de fora da comunidade, pode não fazer muita diferença ser open source ou não, mas não é assim que a banda toca! A Google atraiu diversos desenvolvedores que investiram no Android mesmo antes dele estourar, simplesmente pelo amor ao SO aberto. Ela simplesmente NÃO tem o direito de fechar o código! Isso era algo extremamente previsível, é o que acontece quando se tem um projeto de software livre. Se não quisesse estar vulnerável a este tipo de escolhas, que desenvolvesse um sistema operacional do zero, como Microsoft, Apple e RIM fizeram. Software proprietário não é crime, é uma forma de ganhar a vida, honesta e bastante digna se bem feito. Mas se quer mexer com Linux, tem que ter os fontes disponíveis na internet!
Guilherme Mac
Ei pessoal, só não achem q "pra ter ordem" precisa ser chegado. Uma coisa nada tem a ver com a outra. Isso até me lembra até Ricardo Semler qdo propôs uma administração "mais democrática", aberta. Conservadores tiveram piti com a ideia.
Guilherme Mac
Questão do Ubuntu é outra coisa. O problema na questão Google é jurídico caso eles não abram em tempo razoável. Capaz até de empresas sem acesso adequado ao sistema entrar com perdas e dados, pois o planejamento pode ter tido como base uma licença em vigência.
Guilherme Mac
Problema tem em questões jurídicas se não seguir a licença
Exibir mais comentários