Ter uma loja é muito bom. Quanto mais você vender, melhor ainda. E se a loja é virtual com itens praticamente infinitos, então o céu o limite. Seguindo uma ideia inicialmente apresentada pela Apple, o Google confirmou que vai oferecer vendas de itens avulsos dentro de aplicativos para Android já na próxima semana.

Primeiro, uma convocação aos desenvolvedores. A equipe responsável pelo Google Android pede que os donos de aplicativos comecem a implementar e testar as compras In-App o quanto antes, para o grande lançamento na semana que vem (a data exata não foi informada).

Esses desenvolvedores devem enviar os aplicativos para o Android Developer Console, sem esquecer de criar uma catálogo com os itens In-App que poderão ser comprados pelos usuários. Além disso, será preciso definir os preços dos itens, que poderão ser diferenciados dependendo da unidade monetária e do país do usuário.

Por enquanto, os aplicativos com recursos In-App não serão publicados no Android Market. Os testes serão realizados com e-mails cadastrados especificamente para esse fim, mas os apps permanecerão em modo de rascunho.

Site do Android Market permitirá comprar itens avulsos (imagem: divulgação)

O modelo de partilha de grana adotado pelo Google é similar ao da Apple: o desenvolvedor fica com 70% do preço cheio do aplicativo, enquanto o Google abocanha 30%. Acabou que, por conta da empresa da maçã, a estratégia 70/30 vingou na indústria mobile, e parece que vai continuar assim por um bom tempo.

As compras In-App poderão ser feitas tanto no smartphone, onde haverá uma tela de compras especificamente para esse fim, como no site do Android Market. Caso a compra seja feita pelo site, o esquema é o mesmo para aplicativos normais: o Market aciona o download diretamente no aparelho do usuário. Prático, não?

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

@brunossn
Me referi ao percentual cobrado.
Caio Furtado
Ae Google, finalmente!
Gabriel Silva
Isso é bom para usuários que querem gastar no Android.
Diego Bandeira
Juntando as pratinha pra comprar poção pra jogatina no intervalo da aula (e na aula)…
@brunogdb
Android com isso vai ser excelente!
@brunogdb
Preço dos apps é culpa de quem desenvolve, se lembre disso :)
mMozart
Olha as coisas melhorando... milestone atualizado, xperia vai pra 2.3...
Alexandre
Esse conceito de compras dentro de apps eh um bom estudo de teoria de conjuntos, heheh. Pra mim foi um pouco dificil de entender, mas depois do comentado acima por Lucas Braga, min intendeu ^^ A primeira coisa q me veio a mente eh venda de itens de mmorpg por dentro do app in phone. Esticando ainda, imagino compra de credito para o skype ou servicos telefonicos... Isso implementado dará uma boa estrutura para a implementacao de NFC e pagamentos por meio dessa tecnologia, acho eu.
Alexandre
vlw, tambem tava meio confuso pois o proprio market pra android faz isso que ta descrito
@brunossn
Apple fazendo escola mais uma vez! Até o preço é o mesmo.
@malabisabe
Ahhhhh, agora sim!!! Valeu man!!
Lucas Braga
Seriam vendidos complementos dos aplicativos. Ou seja: a loja do aplicativo é dentro do Market. Por exemplo: você compra o Guitar Hero, e, dentro da app, são vendidas músicas complementares ao jogo. Entendeu?
@malabisabe
Não sei se porque hj é sexta, mas o tico e o teco não captaram a msg direito. Alguém poderia dar um exemplo de como isso vai funcionar?!? Aplicativos in-app??? #voei
Vinícius Andrade
legal =]
adrianotbm
Sou novo no Android e gostaria de saber onde mais isso é útil a não ser na imagem de exemplo? :)