A Argélia entrou nesse sábado na lista de países que já desligaram a internet do país. Diferente do Egito, que demorou pouco mais de duas semanas para desligar a internet, tentando evitar que o resto do mundo soubesse o que estava acontecendo dentro do país, o governo da Argélia não quis esperar e foi logo mandando todos os provedores desplugarem os cabos. A causa do desligamento foram os protesto pró-democracia que começam a tomar forma em meio à população argeliana argelina.

Argélia: sem internet, país fica no escuro

O governo argeliano não parece ter usado o mesmo método dos políticos no Egito para desligar a internet, afirma a empresa Renesys, a mesma que detectou os primeiros sinais de interrupção de tráfego dos provedores egípcio. Ela diz que, ao menos vendo pelo lado de fora do país tudo parece ainda funcionar perfeitamente. Mas como seus habitantes ainda reportam não conseguir acesso à grande rede, a suspeita é de que novos tipos de bloqueios foram implementados, similares aos usados no Irã.

Segundo habitantes do país, o governo também estaria supostamente deletando perfis na rede social Facebook, para tentar conter a organização de protestantes. Também não se sabe se o governo capturou de alguma forma as senhas dos perfis que está deletando ou se a própria rede social está recebendo ordens diretas de políticos locais para apagar as contas, o que eu acharia extremamente improvável.

O governo também tentam impedir que jornalistas e repórteres estrangeiros noticiem o que está acontecendo, como forma de evitar que novos grupos se formem e tentam derrubar a atual presidente do país, Abdelaziz Boutifleka. Os protestantes estão sendo presos em massa e as cadeias já atingem estado de superlotação.

Com informações: The Telegraph.

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

@stenio_melo
Fim dos tempos senhores!
Hernani
Google Maps for the victory
Hernani
Dejavu meu caro, o presidente de lá vai cair igual ao do Egito
Hernani
Essa onda ainda vai passar para outros países, bom para democracia que estava morta nesses países a anos
Daniel Drumond
"minhas plantações estão sendo destruídas pelas pragas, desde o corte da internet eu não dou comida ao meu boi!" #colheitamaldita
Caio Furtado
Egito fazendo escola.
Gabriel Silva
Nossa, agora virou moda derrubar o presidente e cortar a internet? Aff...
Ramon Melo
Qualquer dia desses, vamos ler aqui no TB: "BRASILEIROS SE REVOLTAM CONTRA A CORRUPÇÃO E EXIGEM A RENÚNCIA TOTAL DO CONGRESSO!" Ok, isso só aconteceria num mundo paralelo mesmo...
Felipe Silva
não fez igual, foi mais inteligente deletou os perfis do facebook o proximo pais pode ir com twitter e outros. eles aprendem kkkkk de maneira errada mais aprendem ps: não sou a favor -q a esqueci não tem thumb downs :P
Turdin
Mais um governo utilizando censura, mesmo sabendo que não vai dar certo... Mas queria era saber sobre essa questão de estarem apagando contas, será que estão roubando senhas agora também?
Rodrigo Cardoso
Aqui o povo nunca vai protestar com as merdas q estao acontecendo... Tem pão, circo e esmola a vontade nao eh mesmo?
PF
O interessante no caso da Argélia é o governo interceptar suas senhas e apagar suas contas nas redes sociais. Vá saber o que mais fazem com essa autoridade...
Guilherme Mac
É o que mais tem no mundo. E as mais fortes são as apoiadas pelas grandes potências que se dizem defensores da democracia.
Guilherme Mac
O pior é que iriam chamar os que fossem protestar de baderneiros comunistas...
@brunogdb
De novo não cara, acho isso uma palhaçada completa. ---- OFF-TOPIC: Já perceberam que todo mundo quer fazer isso justamente quando o IPv4 vai acabar?
Exibir mais comentários