Início / Arquivos / Celular /

Apple muda termos de garantia para iPods molhados

Rafael Silva

Por

Notícia
Achados do TB Achados do TB

As melhores ofertas,
sem rabo preso 💰

Em dezembro do ano passado recebemos um e-mail pelo formulário de contato relatando o caso do advogado brasileiro Aldo Batista. Aldo tinha um iPod Nano de sexta geração que pifou porque ele usou como a própria Apple diz no seu site: para exercícios. Em seu blog pessoal o advogado detalha tudo incluindo o número do processo que abriu contra a gigante da maçã, mas o resumo é: o iPod parou de funcionar porque suor entrou no dispositivo, o sensor de umidade foi ativado e por isso ele estava fora da garantia.

Ao que parece a Apple não quer mais receber processos desse tipo.

Crédito: MacGeneration

De acordo com o site francês MacGeneration, os termos de garantia foram alterados para cobrir esse tipo de ativação acidental do sensor de umidade. Nos documentos internos recebidos pelo site lê-se, em tradução livre, “se um cliente contestar a ativação do sensor de umidade de um iPod e não houver sinais externos de corrosão, então o iPod talvez ainda esteja dentro da garantia”.

Isso não quer dizer que você pode sair jogando seu dispositivo iOS na privada ou entrar numa sauna com ele, só porque sabe que a Apple vai te enviar um novo depois. Eles ainda estão checando quando um iPod foi submergido em água. Mas parece que a empresa está mesmo atenta para casos como o do advogado brasileiro, embora a política de garantia mude a cada país. Também parece que ao menos por enquanto, apenas iPods estão incluídos no novo termo, deixando os iPhones de fora.

Com informações: Gizmodo.