Início / Arquivos / Internet /

Facebook permite que desenvolvedores peçam endereço de membros

Rafael Silva

Por

Notícia
Achados do TB Achados do TB

As melhores ofertas,
sem rabo preso 💰

Em se tratando de Facebook, já nos acostumamos a ver o nome da rede social misturado com algum problema de privacidade. Zuckerberg parece que quer levar a sério a filosofia de aprender errando. Prova disso aconteceu na sexta-feira passada quando os engenheiros da rede decidiram que seria uma boa ideia permitir que desenvolvedores de aplicativos acessassem informações mais detalhadas dos membros da rede.

Felizmente não foi um acesso pleno e sem controle. Os desenvolvedores de aplicativos poderiam pedir através da própria API do Facebook para acessar o endereço e telefone que eles têm cadastrados no site. O motivo era nobre: de acordo com os desenvolvedores da rede, com o compartilhamento de endereço os membros do site poderiam facilmente enviar dados de entrega para um site de compras por exemplo.

Porém, como uma considerável parcela dos usuários não lê para quais dados o aplicativo está pedindo permissão para acessar, é seguro assumir que muitos deles dariam acesso à esses dados sem querer. E como nem todos os desenvolvedores de aplicativos são honestos, alguns deles poderiam usar os dados para roubo de identidade ou crimes parecidos.

Para a alegria dos membros preocupados com a sua privacidade, o Facebook desabilitou temporariamente essa nada controversa característica hoje mesmo e bloqueou o acesso a esses dados específicos por parte dos desenvolvedores. Não se sabe quando ela deverá ser ativada de volta, mas aposto que alguns membros prefeririam “nunca” como resposta à essa dúvida.

Com informações: TheRegister.