Minha gente, nem só de boas notícias vive a Campus Party. Se você está preparando a mala para desembarcar amanhã em São Paulo, esteja preparado para ligar seus equipamentos nas tomadas que a organização do evento vai oferecer. Já havia sido anunciado antes, mas não custa relembrar: a CParty 2011 vai usar o novo padrão de tomadas brasileiro.

Sim, trata-se daquele padrão que ninguém usa. O local onde a Campus Party acontece tem que seguir uma série de normatizações, que obrigaram a adoção desse padrão. Portanto, ainda dá tempo de correr a uma loja de utilidades domésticas e elétricas para comprar os adaptadores necessários para não viver um verdadeiro apagão durante o evento.

Esse é o padrão de tomadas da Campus Party. (foto: divulgação/Campus Party)

Para depois não dizer que os seus equipamentos queimaram por lá, esteja avisado também de que a voltagem será 110 e 20A.

Abaixo você confere o comunicado oficial emitido pela organização do evento.

Com a obrigatoriedade da troca do padrão de plugs para os produtos produzidos no país, processo que deverá ser concluído até o final do primeiro semestre de 2011 por parte das empresas, a substituição do material elétrico foi uma decisão do próprio Centro de Exposições Imigrantes. Isto não passa pela organização da Campus Party Brasil, mas, sim, pela decisão do Conselho Nacional de Metrologia, Normalização e Qualidade Industrial (Conmetro), órgão que, ainda em 2009, determinou a troca gradual do formato.

Dito isso, se você é de São Paulo, a gente se vê amanhã na CParty! E se você não é de São Paulo: faça uma boa viagem, e até lá!

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

@Swdezebelles
Concordo. A questão é a adaptação. As pessoas falam mal e tal, por causa do problema de adaptar. Depois dessa fase, tudo vai ficar muito bem. Enfim um padrão pra acabar com a bagunça.
@cidox
Cara o DR é obrigatório em áreas molhadas (cozinhas e banheiros). O choque letal é todo choque acima de 3mili segundos e o DR funciona com o diferencial do campo gerado pelo cabo cortando a alimentacao em menos de 3 mili segundos, claro que todo choque tem um diferencial de potencia e corrente, isso vai variar conforme o tempo de exposicao. Lembrando que nosso corpo é uma resistencia natural, logo choques com menos de 30Volts sao "absorvidos".
Rodrigo Fante
Então o bom é o fio-terra? cada um com suas preferências né. =D
Rodrigo Fante
Tenho 2 ou 3 fãs ai, mas não me importo com trolls, faço minha parte.
Turdin
Dêem uma lida aqui, que vai ter bem explicadinho: http://forum.clubedohardware.com.br/razoes-pelas-quais/663018 E o que eu uso para "substituir"? Eu uso uma regua de proteção apenas, uma boa claro, até tenho estabilizador aqui, mas só uso ele no inverno ( pra aquecer os pés...)
Bestknighter
O bom desse padrão é o fio-terra. O tanto de choque que já levei por não ter aterramento (toque na parte de metal de uma CPU com alimentação sem aterramento pra você saber do que estou falando...) é incontável. 10 Gbps?! Aqui em casa é 100 Mbps =X
Bestknighter
Pois é, quem não teria? E se você fez esse comentário, provavelmente não tem. O que você usa pra substituir? Ou você deixa seu equipamento correr o risco de "explodir"?
Matheus
Eu uso o estabilizador como transformador, fiz uma gambiarra no rele.
@leozacche
Por que não teria?
Turdin
Estabilizador, ainda tem gente que usa isso? O.o
Matheus
É a inveja.
Matheus
Ja to imaginando as gambiarras que os nerds desprevinidos vão fazer para desfrutar o link de 10 Gbps.
Matheus
Ainda bem que quando comprei meu estabilizador que paguei com barras de ouro que vale mais do que dinheiro vem dois adaptadores juntos.
Rodrigo Fante
exato, e, diga-se de passagem é um excelente padrão e veio para arrumar a bagunça que eram as tomadas no Brasil. Vai dar um pouco(ou muito) de problema no começo, mas a longo prazo vai ser melhor.
Fernando Souza
O cara responde corretamente a pergunta e é negativado? vai entender.
Exibir mais comentários