Enquanto que a maioria dos brasileiros está tuitando e andando (para não usar termos mais chulos) para a criação do iPhone 4 em versão CDMA, os milhões de clientes da operadora americana Verizon estavam ansiosos para ter o aparelho mais badalado da Apple na sua operadora. E hoje finalmente conseguiram, depois de anos implorando para as duas empresas. O iPhone 4 CDMA foi anunciado e veio com uma característica interessante: ele serve como ponto de acesso WiFi.

Isso quer dizer que donos do iPhone 4 CDMA poderão compartilhar sua conexão de dados pelo WiFi, dentro do limite imposto pela operadora de até 5 gadgets diferentes.

Essa solução não é nova, o Symbian já tem essa habilidade há anos, o Android conta com o compartilhamento nativo de 3G em algumas versões e existe até um aplicativo para iPhone na loja rebelde Cydia que oferece essa função. Mas é a primeira vez que a Apple oficialmente suporta essa característica e por isso é um certo marco. Não está claro se a empresa planeja oferecer essa característica no futuro em forma de atualização de firmware, mas seria bem decepcionante se não oferecesse.

O design da antena também mudou, mas não está claro se é para evitar o chamado antennagate ou se é por que o aparelho está em uma rede diferente da GSM. Ele conta com 4 chanfros ao redor do aparelho no lugar de 3 que o iPhone 4 GSM tem.

O iPhone 4 CDMA estará disponível em pré-venda para atuais clientes da Verizon a partir do dia 3 de fevereiro por US$ 199 na versão de 16 GB e US$ 299 na versão de 32 GB, ambos com contrato de 2 anos. O público em geral vai poder comprar o celular a partir do dia 10, tanto nas lojas da Apple quanto da operadora.

Atualização às 15:40 | Como suspeitava, a função de ponto de acesso sem fio vai ser embutida no iOS e não será um aplicativo específico do iPhone da Verizon. Segundo o blog Engadget, que pegou o aparelho nas mãos, trata-se da versão do iOS 4.2.5.

Com informações: ArsTechnica. Crédito da foto: Engadget.