Início / Arquivos / Gadgets /

Chineses fazem fila de verdade para comprar cópia do iPhone

João Brunelli Moreno

Por

Notícia
Achados do TB Achados do TB

As melhores ofertas,
sem rabo preso 💰

Talvez você não se lembre, mas a Meizu é um fabricante chinês que conquistou relativa fama (e quiçá fortuna) no distante ano de 2007 graças a seu smartphone M8, primeira cópia do iPhone que se teve notícia e que teve como grande destaque de sua carreira a proeza de chegar às lojas antes de seu inspirador, graças ao hiato de seis meses imposto pela empresa da maçã entre a apresentação oficial de seu primeiro celular e o início de suas vendas (necessário para que o produto fosse homologado pela FCC).

Apesar de pouco falada em todo mundo, a companhia des-fruta (ops) de algum renome em seu mercado natal. A empresa aproveitou a virada do ano para lançar seu mais novo smartphone, que agora atende pelo nome de Meizu M9 e que tem como grande novidade a substituição do sistema operacional Mymobile (baseado no Windows CE) pelo Android 2.2. O resultado é que cerca de 1.000 chineses acamparam em frente a uma loja da empresa para garantirem sua unidade.

Confira:

"Eu sou xing ling, com muito orgulho, com muito amoooor"

Nada mal, não?

O M9 tem processador ARM Cortex-A8  de 1 GHz (o mesmo presente no Galaxy S). Além disso, o aparelho tem visor de 3,5 polegadas com resolução de 960×640 pixels. Sua câmera é de 5 megapixels, com direito a foco automático e gravação de vídeos em 720p.

Com informações: Meizu, Electronista