Início / Arquivos / Celular /

Novo método de jailbreak poderá até deixar iPhone mais seguro

Rafael Silva

Por

Notícia
Achados do TB Achados do TB

As melhores ofertas,
sem rabo preso 💰

Quando tinha um iPod de primeira geração eu era adepto do jailbreak. Na época, a Apple não tinha sequer uma AppStore então eu usava o método (que ainda era feito por meio de um site) para instalar aplicativos de terceiros e ativar os aplicativos-padrão que a empresa só permitia nos iPhones. Hoje não vejo muito sentido, já que além do jailbreak deixar o dispositivo bem instável, ele também abre buracos na segurança nativa do aparelho.

Um analista de segurança, no entanto, deverá liberar uma ferramenta que deixe o iPhone (ou iPod Touch ou iPad) ainda mais seguro do que com os esquemas de segurança colocados pela Apple. O alemão Stefan Esser vai apresentar o seu método de jailbreak, chamado de antid0te, no próximo dia 14 durante a conferência de segurança Power of Community.

O método criado por ele implementa algo chamado ASLR (sigla para Address Space Layout Randomization) que faz com que códigos sejam executados em lugares aleatórios da memória e que, por sua vez, pode dificultar o acesso de hackers aos dispositivos com iOS e jailbreak. Essa técnica de segurança já é usada no Windows Vista, Windows 7, Windows Phone 7 e em certas bibliotecas do Mac OS X, mas a Apple não quis implementar a ASLR em qualquer um dos seus dispositivos móveis.

Talvez com a aplicação dessa técnica, a Apple pare de combater o jailbreak com tanta força e passe até a aprová-lo. Ok, é um chute bem longe, admito. Mas ninguém me impede de sonhar, né mesmo?

Com informações: ReadWriteWeb. Screenshots cedidas pelo leitor Thiago Duarte (@tduarte).