Início / Arquivos / Telecomunicações /

Britânicos poderão ter direito a banda larga de 24 Mega

Thássius Veloso

Por

Notícia
Achados do TB Achados do TB

As melhores ofertas,
sem rabo preso 💰

Aqui no Brasil o governo está penando para colocar em prática o Programa Nacional de Banda Larga (PNBL). Teve que ressuscitar a Telebras e possivelmente vai arcar com milhões de reais para colocar internet banda larga de cerca de 1 Mega em todas as localidades. Enquanto isso, o Reino Unido já discute o próximo upgrade na conexão: possivelmente 24 Mega, para daqui a 5 anos.

Até agora está certo que todos os domicílios daquela nação terão direito a conexão de 2 Mega até o fim de 2012. Mas quem disse que 2 Mbps são o suficiente? Pensando nisso, os ingleses já estão de olho em uma conexão muito mais parruda e nada menos que 12 vezes mais potentes. Para isso será preciso de mais de 1 bilhão de libras esterlinas, a fim de colocar o plano em prática.

Está bom ou quer mais?

Essa taxa de conexão de 24 Mbps infelizmente não é 100% certa e confirmada, pois até agora o governo só falou em “conexão super-rápida”, mas é o que se espera para um futuro anúncio do Ministério da Cultura. Ao que tudo indica, será a conexão básica mais rápida de toda a Europa.

Para financiar o projeto será usada a taxa paga anualmente pelos ingleses para manter a BBC no ar. Mais do que uma emissora de televisão, o conglomerado de mídia comporta websites, rádios e muitos outros serviços, e pelo que parece também vai ajudar a bancar a banda larga britânica. Não por acaso, já que os provedores de acesso de lá tem reclamado da sobrecarga na infraestrutura de dados que o iPlayer, o reprodutor de vídeos do site da BBC, tem ocasionado.

Aos interessados em se mudar para o Reino Unido, os voos para Londres estão saindo na casa dos 1.300 dólares (cerca de R$ 2.200). Boa viagem e mandem notícias!

Com informações: The Next Web. Foto: flickr DeclanTM.