Início / Arquivos / Internet /

WikiLeaks é chutado de servidor e fica sem domínio original

Rafael Silva

Por

Notícia
Achados do TB Achados do TB

As melhores ofertas,
sem rabo preso 💰

Se você estava morando embaixo de uma pedra nos últimos dias, eis aqui uma recapitulação do que aconteceu no mundo diplomático: o site WikiLeaks publicou o chamado Cablegate, documentos que envergonharam os EUA por mostrarem a verdadeira cara da sua diplomacia. Desde então os servidores que hospedam o site sido alvo de constantes ataques DDoS e para tentar contornar essa situação, o WikiLeaks foi movido para servidores da Amazon.com. Mas essa não foi uma ideia das mais brilhantes.

Pouco depois de 48 horas da mudança, a Amazon fechou a conta de hospedagem do WikiLeaks e mandou-o para o olho da rua virtual. Embora especula-se que a Amazon tenha cedido à pressões políticas, a empresa garante que só decidiu cancelar a conta de hospedagem do site por ele ter quebrado os Termos de Serviço e não ter direitos autorais sob os arquivos hospedados. O site não ficou fora do ar por ter servidores de backup espalhados por todo o mundo, mas a parte que ficava na Amazon foi então convertida para um servidor na Europa.

Além de ser chutado da Amazon.com, o domínio do site, WikiLeaks.org, também foi perdido depois que o serviço de DNS gratuito EveryDNS.com decidiu que os ataques DDoS eram mais do que podiam aguentar e passaram a não aceitar mais requisições do domínio. Desde então, o WikiLeaks só pode ser acessado pelo domínio alternativo wikileeks.org.uk ou diretamente pelo IP de um dos servidores, .

Um terceiro agravante, dessa vez no mundo offline, envolve o rosto público do site, seu fundador Julian Assange. Ele corre o risco de ir em cana devido a um mandado de prisão que foi emitido hoje em seu nome na Inglaterra. Ele é acusado de estupro na Suíça Suécia, crime que Assange afirma nunca ter acontecido, e por isso a Scotland Yard é quem deve fazer a prisão.

Apesar de esta cercado de controvérsia, é inegável o fato de que o WikiLeaks já entrou para a história ao tornar pública diversas falhas políticas dos EUA. Mas crianças, tomem nota: quando você irrita diversos governos ao mesmo tempo, tem de estar preparado para as consequências. Só faça o mesmo sob a supervisão de um adulto.

Com informações: WikiLeaks no Twitter, DailyMail.