Você bem se lembra que há pouco mais de uma semana – para ser mais preciso: na segunda-feira, 15 de novembro -, a Apple anunciou a chegada dos Beatles à iTunes Store. A companhia prometia um grande anúncio para aquele dia, mas não foi exatamente o que aconteceu. De qualquer forma, qualquer pessoa com cartão de crédito pode comprar as canções do grupo musical. E o sucesso tem sido grande.

A EMI informou que, depois de uma semana da chegada dos Beatles à iTunes, é inegável que as vendas estão indo muito bem, obrigado. Steve Jobs, fundador da Apple e ex-pseudo-beatle não poderia estar mais feliz: durante esse breve período de 7 dias, nada menos que 2 milhões de músicas do grupo foram vendidas por meio da loja virtual. O preço médio das canções é de US$ 1,29, entrando na precificação mais elevada da iTunes (os preços podem ser US$ 0,69, US$ 0,99 e US$ 1,29).

Não bastasse os milhões de músicas vendidos, álbuns inteiros dos Beatles também estão saindo quase que nem água. Foram 450 mil downloads de álbuns completos até o momento, um número considerável que deve estar deixando os executivos com um sorriso no rosto.

É importante que se diga, no entanto, que o sucesso não é absoluto. Em 2009, a EMI lançou os álbuns remasterizados dos Beatles, que somados venderam 626 mil cópias somente nos Estados Unidos. Bem acima dos 450 mil álbuns baixados na iTunes.

Com informações: Fortune/CNN Money, New York Times

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Hernani
Com a vinda do Paul para o Brasil, o pessoal deve estar indo atrás de músicas para relembrar os velhos tempos
kylefurtado
Sim, valeu.
iGOMD
Dancem Trolls Dancem
Bruno Gall
To no meio \o
William Kennedy
Apple Computer (atualmente Apple Inc.) -> Steve Jobs Apple Corps -> holding fundada pelos Beatles, proprietária da Apple Records, gravadora da Banda Sacou?
Alexandre
Podem me apredejar, beatles é bom pra quem gosta
? Renato Gasoto
Tendo em vista o apelo que a mídia física carrega consigo, e que a margem de lucro na venda digital é imensamente maior (por só haver custos com manter um servidor armazenando e disponibilizando os arquivos), acho que 450k albuns é se se comemorar tanto quanto as 626k cópias dos albuns em mídia física. Agora, como assim Jobs era um ex-pseudo beatle? Não sei dessa história...
@lixbearg
Beatles sempre é ótimo... Mas... segunda-feira 16...?