Início / Arquivos / Aplicativos e Software /

Versão pirata do LimeWire cai na rede

Rafael Silva

Por

Notícia
Achados do TB Achados do TB

As melhores ofertas,
sem rabo preso 💰

Com o fechamento das redes do LimeWire, os usuários do programa ficaram a ver navios. Ou a mover navios, se você considerar que parte deles foram para a baía dos piratas. Mas ainda assim, muitos dos que usavam o LimeWire (alguns para fins lícitos) acabaram sem ter uma alternativa legítima da própria empresa. Mas no campo de alternativas não-legítimas, eles receberam uma opção essa semana, quando programadores liberaram na rede uma versão pirata do LimeWire.

Crédito da imagem: ArsTechnica

Convenientemente chamado de LimeWire Pirate Edition, o programa foi liberado gratuitamente na terça-feira e conta com algumas melhorias em relação à versão legítima, como a ausência de anúncios, da barra do Ask.com e das portas escondidas que os programadores originais do LimeWire incluíram. Ela também conta com todas as características da versão LimeWire Pro, que era paga.

A disponibilização do programa não alegrou muito seus criadores, que decidiram deixar bem claro que eles não foram os responsáveis pela criação Pirate Edition. Eles fizeram isso por meio de um novo aviso na página da empresa, onde dizem que ficaram sabendo do LimeWire ilegítimo e exigem que as pessoas responsáveis parem de usar o nome e marca da empresa no projeto.

O “MetaPirate”, grupo de programadores responsáveis pelo novo programa, já avisou que pretende disponibilizar o código-fonte assim que encontrarem um repositório que os suporte.

Com informações: ArsTechnica. Dica do Andrew (@Turdin). Valeu, Andrew!