Se eu sou fabricante de um dispositivo que usa a plataforma da empresa A, por que diabos forneço dispositivos rodando a plataforma da empresa B para meus funcionários? Essa pergunta foi possivelmente feita pelos acionistas da Dell, querendo explicações sobre os inúmeros BlackBerries usados pelos funcionários da companhia. Resultado: uma migração em massa para o Windows Phone.

Foi nessa semana que a empresa do legendário Michael Dell, que já caçoou da Apple e depois teve que engolir o que disse, anunciou que os seus funcionários deveriam trocar os BlackBerries que usam atualmente por aparelhos que utilizem o Windows Phone 7. A Dell é uma das fabricantes de smartphones que abraçou a plataforma da Microsoft e já apresentou ao mercado um aparelho – o Dell Venue Pro – com o WP7.

Por sinal, vai ser exatamente esse aparelho que a Dell vai distribuir. Seus funcionários deverão entregar os BlackBerries que usam atualmente e retirar um Venue Pro com Windows Phone 7. Detalhe: são 25 mil funcionários que possivelmente trocarão de plataforma, um número que certamente vai impulsionar as estatísticas referentes ao Windows Phone logo no seu lançamentos.

Justificando a decisão, a Dell informou que vai economizar cerca de 25% de seu orçamento para comunicações móveis, uma vez que não vai mais depender de servidores específicos para as tecnologias de comunicação proprietárias da RIM. Ainda em busca de corte de custos, a empresa cogita comprar planos de voz e dados para toda a corporação junto às operadoras, em vez de assinar planos individuais para seus funcionários.

Reza a lenda que, no futuro, é capaz que a Dell aceite que os empregados usem aparelhos com Google Android.

Com informações: WSJ.com

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Zion
acho q falta um bom gerenciamento desses BB's, nem sempre precisa fazer um WIPE para que o serviço de email volte a funcionar!!!
Zion
Lembrando tudo isso q a Dell ainda não trocou de plataforma, alguns usuários já estão utilizando esse smarthphone. Mas nada homologado ainda! :)
Aroldo
AHAM. Que o digam os usuários que tem que wipar o BB 1x por mes pq ele simplesmente parou de sincronizar os e-mails. Isso eh que eh eficiencia ;)
Alexandre
Assim até eu queria um wp7 :) di gratisssssss!!!!
Hernani
Técnicas de tortura?
@rafael_sc
Verdade é o maior perrengue implantar o BES.
Naldo
Vc nao sabe de nada. A Dell suporta o Streak internamente e com todos os recursos do Exchange. A MS nao tem nada a ver com a historia. A galera adora falar besteira...
Marcell Almeida
A Dell pode aceitar que eles usem Android. Mas a MS não vai aceitar, fikdik.
@evilmagus
A área de tecnologia é bem esotérica, né? Vários videntes.
kylefurtado
Prevejo e-mails menos eficientes.
cinza
Isso pode servir até para pesquisas internas sobre os aplicativos WP7, e desenvolvimento continuado dos aparelhos e programas, decisão acertada.
Renyer
Prevejo algum vírus atacando uma brecha de segurança do Window$ Phone Sete.
@Cobalto
1. A Dell vai vender aparelhos com windows phone 7, ou seja, ela vai fabricar aparelhos assim, logo, não terá que comprar da concorrência. 2. "Justificando a decisão, a Dell informou que vai economizar cerca de 25% de seu orçamento para comunicações móveis, uma vez que não vai mais depender de servidores específicos para as tecnologias de comunicação proprietárias da RIM. " "uma vez que não vai mais depender de servidores específicos para as tecnologias de comunicação proprietárias da RIM." "não vai mais depender de servidores específicos para as tecnologias de comunicação proprietárias da RIM." Ok? Parou de frescura? Grato.
Turdin
Na verdade, fazendo sentido ou não, podendo ou não, o que a matéria diz é que vão ter que fazer, nada mais, nada menos... O objetivo é informar, conclusões que ficam com vc =P
Tiago
Rídicula esta matéria, pergunta pra alguém que trabalha na AmBev se eles podem tomar Coca-Cola ou se alguém que trabalhe na Coca-Cola pode tomar Pepsi!!! A empresa fornece hoje Blackberry e vai trocar por um produto próprio, o que faz todo o sentido. Pelamordedeus.
Exibir mais comentários