Início / Arquivos / Demais assuntos /

James Cameron fala mal do 3D de Harry Potter

Thássius Veloso

Por

Notícia
Achados do TB Achados do TB

As melhores ofertas,
sem rabo preso 💰

James Cameron é um homem que gosta de fazer história. Lá em 1997, ele recriou o gigantesco Titanic e produziu um dos filmes mais lucrativos das história do cinema. Mais de dez anos depois, Cameron novamente surpreende ao apresentar ao mundo Avatar, sua nova produção com efeitos em 3D deslumbrantes que nunca antes haviam sido vistos na telona.

Ele já assinou contrato para gravar Avatar 2 e Avatar 3, mas enquanto as filmagens não começam, tira um tempinho para falar mal do 3D dos dias de hoje.

O cineasta foi curto e grosso ao criticar as técnicas empregadas no 3D atualmente. Para Cameron, é ele mesmo que está certo ao captar um filme completamente em 3D, como foi o caso de Avatar. Completamente contra gravar filmes normalmente e depois submeter as películas ao processo de transformação para três dimensões, James Cameron afirmou que essa forma de produzir 3D só deveria ser usada em filmes antigos, como Tubarão ou ET.

Segundo ele, ou desenvolvemos uma máquina do tempo e refilmamos esses filmes em 3D, ou o processamento posterior do 3D é a única opção. Mas certamente não fica tão bom.

Avatar: aprovado por Cameron

Cameron fez questão de citar alguns filmes gravados nos últimos anos que poderiam ter sido captados já em 3D: Fúria de Titãs e Harry Potter e as Relíquias da Morte – Parte 1. Quem assistiu ao primeiro filme no cinema percebeu que o 3D nele presente é de quinta categoria, sendo preferível assistir à versão normal. Quanto a Harry Potter, com estreia marcada para meados de novembro, a Warner já cancelou a projeção em salas equipadas com 3D. #FAIL total.

Com informações: Veja.com