As coisas não estão nada boas para o pessoal da Fundação Symbian, que desenvolve a plataforma de mesmo nome. Depois de perder apoiadores de peso, os rumores no mercado são de que a fundação corre o sério risco de fechar as portas em um futuro bastante próximo.

O corte de gastos já começou, com funcionários recebendo propostas para deixar a organização antes que o barco afunde de vez.

O posicionamento da Symbian era meio que previsível. Depois de ver a Samsung deixar o quadro de membros fundadores – isso significa menos dinheiro entrando – e depois de descobrir que a Sony Ericsson não mais ofereceria aparelhos rodando o Symbian, somente a Nokia se mantém como grande patrocinador do projeto. E naturalmente que isso tem um custo alto, que a empresa não quer bancar em sua totalidade.

Empregados da Fundação Symbian já começaram a receber propostas trabalhistas para encerrar seus contratos com a empresa. Funciona assim: a organização combina um valor determinado, que é pago assim que o funcionário aceita encerrar seu contrato de trabalho sem entrar na Justiça posteriormente.

Symbian: muitos aparelhos, poucos smartphones

A plataforma Symbian é usada atualmente em mais de 40% dos celulares do mundo, mas perde feio quando falamos de smartphones (os aparelhos que verdadeiramente dão dinheiro para as fabricantes, com Apple, RIM e Google muito à frente). Com a nova redução de pessoal e de gastos, a fundação por trás da plataforma terá que mostrar-se ainda mais criativa e inovadora frente às dificuldades se quiser mesmo sobreviver.

Bia Kunze | O Symbian está morrendo
Bia Kunze | O Symbian está morrendo – Parte II

É, a coisa está feia.

Com informações: Engadget.

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Daniel Luiz
hahahahahahahaha!!!! Muito facil dizer isso citando uma empresa norte-amerdicana!
Daniel
O que outros S.O. tem que ele nao tem???(acho que eh o contrario)
@caiofbpa
O Symbian não vai morrer pessoal. HUAHUAHUAH Não sei daonde tiraram isso. Ele pode não ser o SO mais usado nos smartphones, mas é baseado em microkernel, e muito superior à qualquer Android por aí. A diferença é o marketing, a Google incitando o desenvolvimento para o Android ajuda no crescimento dele. Eu uso Symbian no meu Nokia 5530, que considero smartphone, e estou muito satisfeito com ele. Essa discussão parece velha briga entre KDE (ambiente avançado) e GNOME (ambiente popular) no Linux. Prefiro KDE, prefiro Symbian. Neste mesmo blog eu vi um post que dizia que a Nokia estava quebrando porque o vice-presidente deixou a empresa. E daí dizia em baixo que ele estava pulando do barco. Não entendo a relação de uma coisa com a outra. Se vocês seguirem a movimentação do RH da Google no LinkedIn, entra e sai Vice-Diretor à torto e a direito, e o CEO Eric Schmidt tomou lugar do outro não faz tanto tempo assim. Então isso deveria ser sinal de que a Google também estava quebrando, não? É esse tipo de afirmação infundada nos meios de informação tecnológica que traz indignação à pessoas como eu e o APF.
@caiofbpa
O fato do Symbian não ser muito utilizado não quer dizer que esteja morrendo. Reveja o título do Post, tendencioso.
Daniel
Nadaver esse comentario, uma vez que existem muitos outros aparelhos de outras marcas que sao muito mais baratos que os Nokia, e nem por isso vendem tanto quanto o symbian. O que precisa ser obsevado é que realmente o Symbian foi deixado de lado assim que surgiram as modinhas (leia iOS). Falta incentivo.
APF
Eu não estou inferindo nada. A participação da Nokia no mercado é igual a soma das duas concorrentes mais próximas (Samsung e RIM). E, como disse, com os novos lançamentos, a julgar pelas pré-encomendas, esse crescimento vai se acelerar. Qualidade? Será que nós estamos falando da mesma Apple? Da Apple do antennagate? Da Apple do sensor de proximidade? Da Apple das telas retina manchadas? Da Apple dos vidros traseiros arranhados e rachados? Da Apple dos bumpers? Da Apple do bluetooth capado? Da Apple da multitarefa capenga? Da Apple dos sensores de imersão dando falso-positivos? Da Apple do iOS4 travadão no 3G e 3GS? Como disse, marketing é tuuuuuuuuuuuuudo! No sir, thank you. Next, please...
Guilherme
Se como você mesmo disse, a Nokia "voltou" crescer, significa que houve períodos em que a empresa se estabilizou e estava em decadência. Pode até ser que ela ainda seja líder no mercado mundial de celulares, mas inferir que sua participação não se tornou tímida com o salto da Apple no mercado de smartphones, pra mim é hipocrisia (pelo menos no Brasil). Ou seja, é negar as pesquisas de mercado já realizadas e não querer admití-las. Sobre o marketing, é bem verdade que ele influi quando se trata de divulgar a imagem da empresa, porém, é fato também que o número de consumidores que preferem o sistema iOS a SYMBIAN após experimentá-los seja cada vez maior. E isso não é problema de marketing, e sim de engenharia.
DANIEL
O N900 usa o MAEMO, e nao o MeeGo.
daniel
O QUE FALTA ATUALMENTE NO SYMBIAN É O INTERESSE POR PARTE DOS DESENVOLVEDORES QUE ADERIRAM A MODINHA DO IOS. ACHO QUE COM O INCENTIVO CORRETO, O SYMBIAN VOLTARA A SER UM SO DE PONTA.
João Berdeville
Nada disso aconteceu aqui no N85, nunca. Deixo ele com umas 2 abas, Gravity, Nimbuzz e fring abertos sem problema nenhum.
Alexandre
Mais um balde dágua entrando no barco da Symbiam que tá afundando... Nao me surpreenderia se a nokia desse o braco a torcer e metesse android em tudo quanto é celular. A google tambem nao iria achar ruim nao
APF
Outra coisa, reparou que você, sutilmente, já inferiu que a Nokia é "decadente"? Ja assumiu isso como fato, confirmando o que eu disse. A Nokia é lider de mercado, continua sendo, e sua participação de mercado voltou a crescer. Com o lançamento dos novos produtos, acredito que esse crescimento se acelere.
APF
O sensação de status obtida a partir do consumo de certos artigos é um produto do marketing. Atualmente, estamos vivendo um período em que vale mais investir em marketing do que em engenharia de produtos e de software. E as pessoas são levadas a tomar decisões de consumo achando que são frutos de "pesquisa", "informação", "consumo consciente", quando, na verdade, tudo é sutilmente (ou acintosamente) plantado em suas mentes...
Guilherme
Na verdade, no meu ponto de vista, essa decadência da Nokia é uma soma de tudo, tanto na falta de atualização do sistema quanto na falta de "elitizar" os seus atuais produtos, como aconteceu com o N95 na época de seu lançamento. Ou seja, para querer vender smartphones com o preço praticado, falta o STATUS que o consumidor dessa categoria deseja. Qualidade essa muito bem encontrada ao adquirir os produtos da maçã. Pode notar, geralmente o público leigo (no caso a maioria), não liga se o SYMBIAN foi o pioneiro ou o inspirador de tudo. Por isso, não adianta nós basearmos nossa indignação usando apenas a razão. O mercado é muito mais que isso, ele é cruel! =/
Hernani
O Symbiam parece o Opera dos SOs mobiles, criou várias coisas, a concorrência copiou, melhorou e ultrapassou
Exibir mais comentários