Início / Arquivos / Celular /

Apple mostra novidades do Mac OS X 10.7 Lion

Thássius Veloso

Por

Notícia
Achados do TB Achados do TB

As melhores ofertas,
sem rabo preso 💰

Durante o evento Back To The Mac, que nós cobrimos ao vivo aqui no TB, a Apple confirmou algumas das especificações que a próxima versão do Mac OS X terá. Em pauta estão recursos que anteriormente já podiam ser encontrados nos dispositivos móveis da empresa — leia-se iPhone e iPad —, que em breve também estarão presentes nos desktops e notebooks da empresa de Steve Jobs.

Antes de apresentar as novidades do Mac OS X Lion, o CEO da Apple fez questão de dizer que a família de sistemas operacionais OS X teve sete grandes lançamentos desde que foi apresentada ao mercado. Com o Lion, o OS X ganha um novo estágio de maturidade, tendo em vista que essa será a oitava grande versão lançada. E as novidades são de deixar qualquer usuário de Windows babando. Ou quase isso.

A começar pelos gestos multitouch. Calma! Não teremos um Mac com tela sensível ao toque, não por enquanto. Jobs disse que a ergonomia desse tipo de produto – seja notebook ou desktop – não permite a interação por meio de touchscreen. Mas isso não impedirá os usuários de passarem seus lindos dedinhos pelo trackpad dos MacBooks, ou então no Magic Trackpad que tem função similar.

A interface dos aplicativos no Mac OS Lion será adaptada para esse tipo de interação, que lembra bastante aquela encontrada no iPhone OS e no sistema do iPad. E, de modo geral, o OS X vai aceitar vários novos gestos, com o objetivo de tornar o uso do computador mais rápido (embora isso não queira dizer que eles serão intuitivos, claro).

Mac App Store em funcionamento (reprodução)

Steve Jobs apresentou também uma nova App Store. Se já existem lojas de aplicativos para iPhone/iPod Touch e iPad, chegou a vez do Mac ganhar recurso similar. A Mac App Store permitirá a instalação fácil de aplicativos, a partir de uma central de controle que lembra bastante a interface da App Store para o tablet da companhia. Por instalação fácil, entenda que, com apenas um clique, o usuário terá o aplicativo baixado e instalado no seu computador. Quando tudo estiver pronto, o ícone do app simplesmente aparece na Dock.

Como dinheiro é sempre bom, a Mac App Store prevê tanto aplicativos gratuitos como aplicativos pagos. Qual vai ser o esquema? O já tradicional “70/30” praticado nas demais lojas da empresa: 70% da receita do aplicativo ficam com o desenvolvedor, e os outros 30% vão parar diretamente nos bolsos de Steve Jobs. Esse Steve é esperto, muito esperto.

Você já viu a Home Screen em algum lugar (reprodução)

Ainda copiando funcionalidade do iPad, o Mac OS X Lion terá uma espécie de Home Screen própria. Depois de acionar o ícone do aplicativo no Dock, todos os programas que estão rodando desaparecem e uma lista de aplicativos preferidos aparece na tela do computador. Simples assim. Para usar, é clicar no ícone e esperar o programa ser iniciado. E com direito a pastas de aplicativos. Sim, sim… Você já viu esse recurso em outro lugar.

O Mac OS X Lion foi apresentado brevemente durante o evento de hoje, sendo que ainda tem um longo caminho pela frente. O seu lançamento está previsto para meados do ano que vem. Ou seja, usuários de Mac ainda têm um ano de sofrimento com Snow Leopard.

Que venha o Lion. Graaaaawr!