Início » Arquivos » Celular » iPhone 4 chinês tem Google Maps xing ling

iPhone 4 chinês tem Google Maps xing ling

Avatar Por

Os chineses que há muitos meses trabalham nas fábricas da Foxconn produzindo o iPhone 4 finalmente podem comprar o aparelho, pois as vendas foram iniciadas naquele país gigatesco. Tudo bem que, com o salário de fome dos funcionários da Foxconn, não existe a menor condição de adquirir o smartphone da Apple. Mas sempre tem quem compre, e alguns moradores da China já desembolsaram seus ricos yuans pelo gadget.

E descobriram que nem o perfeito iPhone consegue fugir da censura imposta pelo governo chinês.

iPhone 4 chinês rodando Google Maps

A denúncia foi feita por um blogueira que decidiu trocar o seu iPhone 3GS pela mais recente versão, com Retina Display e todas aquelas novidades que você já conhece. Tudo muito bem e muito bom, a sincronização dos dados do iPhone antigo para o novo foi feita com sucesso. Até que o usuário decidiu fazer uma visita ao Google Maps, quando percebeu que os mapas apresentados pelo aparelho são diferentes dos que ele visualizava no 3GS.

Como já se sabe, a China tem uma política quase terrorista para que empresas de internet operem no país. Elas precisam concordar com diversos filtros e formas de censura que a ditadura impõe, sob risco de serem expulsos do país. Foi esse risco que o Google fez ao peitar o regime, mas acabou voltando atrás e aceitando as leis do país.

No caso do Google Maps, quem usasse um VPN no iPhone 3GS poderia visualizar os mapas referentes à China sem as intervenções do regime. Regiões em que há disputa com outras nações, por exemplo, seriam sinalizadas dessa forma. Já com o VPN desativado, um vigoroso território chinês era apresentado, sem deixar dúvidas de que os territórios anteriormente em disputa pertenciam à China.

Já no iPhone 4, não importa se o usuário faz esse acesso com ou sem o VPN ativado. Em ambos os casos, por tratar-se de um aparelho comprado na China e que encontra-se no território chinês, os mapas são apresentados de acordo com a visão que o regime tem de sua própria geografia. Informações mentirosas, naturalmente, que o governo chinês quer disseminar mesmo entre as pessoas tidas como mais esclarecidas que utilizam esse tipo de produto.

Ao que tudo indica, essa forma de visualizar os mapas no iPhone 4, sem direito de escolha sobre qual “versão” dos fatos será utilizada, é decorrente da forma como a Apple vende seus aparelhos no país.

Aos chineses que tenham esse problema e queiram seus mapas normais, como nós do Ocidente o vemos, fica a dica (se conseguirem acessar o TB, claro): utilizem os mapas diretamente a partir do site do Google Maps. Nesse caso, não há censura quando o VPN está ativado.

Com informações: Ogle Earth.

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

@fabij
Estou com o mesmo problema da blogueira que descobriu que o iPhone 4 dela estava com os mapas xing lig. O meu também veio da China e isso esta me incomodando. Gostaria de saber se existe solução pra isso, deixar os mapas como estavam. Desde já agradeço
Alexandre
pros chineses , o sol da volta em volta da terra e o equador fica na china.
Hernani
hauahuahauhau eu ri
kylefurtado
Somos três.
Adriano
Eu sei disso, assim como ninguém quer deixar de possuir fábricas lá onde pagam uma merreca para os bilhões possíveis de funcionários.
Bruno Gall
Não querendo zoar muito, mas isso já é sacanagem
Bruno Gall
É melhor os chineses abrirem os olhos :P
Thássius Veloso
Ninguém quer deixar de lado um mercado potencial de um bilhão de consumidores.
Bruno Gall
[2]
@byhegon
Esqueceram de avisar o governo Chinês que estamos no século 21, pois como pode uma política tão radical modificar o mapa do pais para enganar os pobres cidadãos "Pobres em todos os sentidos da palavra pois com esse salário miserável" e nós aqui preocupados com Tirica.
@torresfelipe
Por essas e outras que dá pra entender o Karate Kid New Generation. A China é uma bosta.
Adriano
Isso que a China faz é uma pouca vergonha, porém as empresas "ocidentais" abrem as pernas para ela.
@Andropovbr
beleza de regime esse chinês, hein? E há quem apóie. Ditadura no cu dos outros é refresco.
Sr. Sem Papo
Eu me assusto com o chineses,,,, serio