Início » Arquivos » Celular » Apple diz não para app que pede cadastro

Apple diz não para app que pede cadastro

Por

Ah, a Apple e suas contradições… A empresa negou que um aplicativo para iPhone e iPod Touch fosse incluído na loja de aplicativos App Store. O motivo alegado pela empresa é que um aplicativo que requisitar cadastro do usuário para não pode ser aprovado pelos censores da App Store.

O aplicativo em questão é o Read It Later para iOS, que em tese permite ler textos salvos na internet mais tarde. É aquele tipo de app que pode ajudar muitos as pessoas que diariamente são sobrecarregadas de informação. Funcionando mais ou menos como o Instapaper, esse aplicativo requisitava nome de usuário e senha para acessar os itens salvos pelo usuário.

A justificativa da Apple para negar o pedido foi a seguinte:

Nós revisamos seus aplicativos, mas não podemos publicar essas versões na App Store porque elas requerem que os clientes se registrem com informações pessoais sem fornecer ferramentas baseadas em contas. Nós incluímos detalhes adicionais abaixo para tentar explicar o problema, e esperamos que você considere revisar e reenviar o seu aplicativo.

Aplicativos não podem requerer registro de usuários antes de permitir o acesso a recursos e conteúdos do app; tal registro de usuário deve ser opcional e ligado a funcionalidade baseada em conta.”

O que dá a a entender é que, num primeiro momento, a Apple diz que apps não podem requisitar cadastro para funcionar. O que por si e só já é curioso, visto que vários aplicativos só funcionam mediante inserção de nome de usuário e senha. Num segundo momento, a mesma empresa diz que o aplicativo pode pedir cadastro, desde que ofereça recursos que só seriam possíveis por meio de cadastro. O que é mais do que comum para aplicativos que utilizam informações pessoais do usuário.

Estranho, não?

Com informações: DownloadSquad.