Início / Arquivos / Brasil /

GVT chega a São Paulo em 2011; por enquanto, Sorocaba e Jundiaí

Thássius Veloso

Por

Notícia
Achados do TB Achados do TB

As melhores ofertas,
sem rabo preso 💰

O mercado de telecomunicações brasileiro está realmente agitado. Com Vivo e Oi se reorganizado financeiramente, é a GVT quem ganha destaque ao anunciar sua chegada a mais duas cidades: Sorocaba e Jundiaí. É a primeira vez que a operadora lança oferta de produtos no Estado de São Paulo, mas já está de olho na capital.

Os moradores de Sorocaba e Jundiaí já podem contratar os serviços de banda larga e de telefonia. Cerca de R$ 40 milhões foram investidos para construir a rede que vai atender as duas cidades. A cobertura inicial da GVT é de 30% das cidades, com capacidade para atender 38 mil acessos de banda larga e voz.

Ainda no campo dos planejamentos, a GVT trabalha com a hipótese de lançar o serviço de banda larga na cidade de São Paulo em 2011. Para isso, no entanto, muitos investimentos em infraestrutura terão que ser feitos, uma vez que São Paulo concentra a maior base de assinantes de banda larga do país.

O presidente da GVT, Amos Genish, afirmou ao Estadão que a empresa já tem as licenças necessárias para instalar o cabeamento na capital paulista, mas pelo menos um ano de obras será necessário antes de efetivamente lançar os novos serviços.

GVT: Telefonia fixa e móvel, discagem direta e banda larga em Jundiaí (Reprodução)

GVT: Telefonia fixa e móvel, discagem direta e banda larga em Jundiaí (Reprodução)

E quanto ao Rio de Janeiro? A capital fluminense ainda não tem previsão de chegada da GVT para clientes residenciais, mas os moradores de Niterói – do outro lado da Baía de Guanabara – podem esperar os serviços da GVT ainda nesse ano.

Televisão por assinatura, por enquanto, fica apenas nos planejamentos: a empresa confirmou ter solicitado à Anatel (Agência Nacional de Telecomunicações) autorização para lançar uma televisão via satélite.

Com informações: Estadão.com.br, Correio Braziliense.