Início / Arquivos / Aplicativos e Software /

Grupo desenvolve algoritmo que reconhece sarcasmo

João Brunelli Moreno

Por

Notícia
Achados do TB Achados do TB

As melhores ofertas,
sem rabo preso 💰

Seus sonhos se tornaram realidade.

Três estudantes da Universidade Hebraica de Jerusalém, em Israel, anunciaram ter desenvolvido um algoritmo de inteligência artificial capaz de compreender sarcasmo – coisa que uma parte significativa dos seres humanos ainda é incapaz de fazer.

Chamado de SASI, ou Semi-superviser Algorithm for Sarcasm Identification, o programa consegue compreender maneiras sofisticadas de comunicação, também considerando figuras de linguagem, por exemplo, e conseguindo converter estes dados em ideias.

Para criá-lo, os pesquisadores escanearam cerca de 66 mil reviews de produtos postados por usuários no site de comércio online Amazon e estabeleceram certos padrões de comportamento que indicavam que o navegante estava sendo sarcástico. Desta maneira os responsáveis pelo projeto garantem que o algoritmo é capaz de ter sucesso de 77% na tarefa de analisar o “tom” de um texto, índice considerado “impressionante” por seus criadores.

O software também foi treinado para identificar uma série de frases potencialmente sarcásticas (como “Eu adorei a capa” no review de um livro classificado com apenas uma estrela, por exemplo) e coletar novos termos ou padrões que potencialmente pudessem identificar o comportamento, incluindo a capacidade de compreender que as vezes uma frase pode significar o oposto do que ela quer dizer.

Lembrando que as últimas menções a Israel no Tecnoblog foram que eles proibiram a entrada de iPads no país e que guardas de um aeroporto balearam o Macbook de uma turista, é de se festejar que pelo menos alguém no país reconhecidamente tenha senso de humor.[Slashdot e Universidade Hebraica de Jerusalem (pdf)]