Gigante da tecnologia com cerca de 400 mil empregados e conhecida por montar produtos para companhias como Apple e HP, no últimos tempos a Foxconn vem tendo algum destaque pela imprensa internacional pelos motivos errados: apenas nos últimos seis meses sete de seus trabalhadores cometeram suicídio em sua fábrica na cidade de Shenzen, na China.

Ainda em abril, logo depois do sexto caso de suicídio, o jornal local Southen Weekly, considerado um dos mais influentes da região, enviou um repórter para investigar o caso, trabalhando de maneira infiltrada na empresa durante 28 dias. O resultado é que ele se deparou com condições de trabalho “estarrecedoras”, com a companhia controlando rigidamente os horários em que seu pessoal come, dorme ou trabalha – muitas vezes, 12 horas por dia praticamente sem períodos de descanso – em troca de um salário equivalente a US$ 130 (R$ 240).

“O resultado é que muitos se veem sem saída e entendem que a única chance de colocar fim neste ciclo é tirando suas próprias vidas”, afirma o repórter Liu Zhi Yi, responsável pela matéria publicada nesta quarta-feira.

Para piorar a situação, além do texto nesta quarta-feira surgiu um vídeo pela internet que mostra o que seria um funcionário da Foxanto sendo empurrado e intimidado por pelo menos quatro guardas da empresa e levado para o que seria um terreno baldio. Apesar de carecer de contexto, as imagens surgem num momento delicado para a empresa. Confira no vídeo exibido pela rede de TV BTV, em Chinês:

(Video Tudou.com)

[Gizmodo, Shanglist e Business Insider]

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Rodrig
Claro que não, a Apple está investigando os suicídios, e além disso, não é só a Apple que fabrica produtos na Foxconn
@gabriel_frc
É a triste e dura realidade
Alexandre
E hoje, dia 21, saiu outra noticia de outro suicidio,... e saiu que essa empresa tem, (relendo a noticia pra nao escrever bobagens pois ainda nao to acreditando), 700.000 funcionarios!!! Ainda, as autoridades acham que nem é tanto suicidio assim, pois está acima da media nacional em face ao tamanho da empresa... Fonte:terra.com.br
Hernani
Bizarro isso :shock:
Fabiano
Meu chapa, a culpa É deles, sim!
Fabiano
Quem criou o monstro chinês? Todo mundo que mandou fabricar coisas lá, incluindo a Apple, sim! E não dá para alegar ignorância!
Romulo
Se a culpa é da Apple? Não, mas em parte é responsável sim, pois tem como obrigação saber como é fabricado seus produtos, e deve ser transparente quanto a sua responsabilidade social. Se existem esses escravos trabalhadores nessas condições, é por empresas como a Apple não se importarem com o processo de fabricação de produtos que é DE SUA RESPONSABILIDADE. Se ela lucra infinitamente com os produtos, deve se preocupar no mínimo com questões sociais pertinentes a fabricação de seus objetos de consumo de milhares de classe-média/alta. Mas é lógico, a culpa se estende a muito mais nomes.
Luciano Vieira
Daqui a pouco vão dizer que a culpa é da Apple ou do Jobs...rsrs
Tiago César Oliveira
Infelizmente, sou obrigado a concordar... Triste a situação dos chineses. Tornar-se a "fábrica do mundo" é fácil quando se paga para um funcionário o equivalente a um vigésimo do valor pago em países como os EUA.
Matheus
Fato!
Alexandre
Direitos humanos e China sao coisas que nao combinam...