Início / Arquivos / Celular /

iPad prejudica vendas do iPod, diz pesquisa

João Brunelli Moreno

Por

Notícia
Achados do TB Achados do TB

As melhores ofertas,
sem rabo preso 💰

Dados da empresa de análise de mercado NPD divulgados nesta segunda-feira mostram que o sucesso do tão falado iPad pode estar afetando as vendas do iPod, um dos grandes responsáveis por alçar a Apple de volta à constelação das grandes estrelas da indústria da tecnologia.

Os números levantados pelo pesquisador Gene Munster apontam que o tocador de músicas saiu das lojas em abril num ritmo 17% menor do que o visto no mesmo período do ano passado e que até junho deverá vender entre 9 e 10 milhões de unidades, o que representaria uma queda de até 12% em relação a 2009.

Um dos grandes responsáveis pelo tombo seria o novo tablet da empresa da maçã, que monopolizou todas as atenções do público e mídia e que vendeu mais de um milhão de unidades desde que desembarcou nas prateleiras, no último dia 3 de abril.

Apesar de vender menos aparelhos, a empresa da maçã não tem muito o que reclamar. “Em média, o iPad oferece lucros quatro vezes maiores a cada unidade vendida”, diz a NPD.

Enquanto o mais famoso, reconhecido e pirateado tocador digital de mídia segue no vermelho, o restante da linha Apple vai bem, obrigado, e dissipando quaisquer suspeitas de que o iPad poderia canibalizar as vendas dos Mac. Em abril os Macbook, Macbook Pro, Mac Mini, iMac e Mac Pro tiveram aumento de 39% em sua comercialização e deverão fechar o trimestre com 3.2 milhões de unidades vendidas, o que representaria aumento de até 23% na comparação com o ano passado. [Business Insider]