Apesar de toda a briga entre Apple e Adobe e de Steve Jobs ter reclamado que o Flash é o maior responsável por travamentos no Mac (o que, por sinal, a experiência pessoal deste redator confirma), a Adobe lançou um novo beta do Flash Player para Mac (batizado de “Gala”) que se aproveita de recursos recentemente liberados aos desenvolvedores para melhor sua performance.

Leia mais:

O grande diferencial dessa nova versão é ser capaz de fazer a decodificação de vídeos em Flash utilizando H.264 diretamente pelo hardware da placa de vídeo,liberando assim a CPU de uma grande sobrecarga.

Nem todo Mac poderá se beneficiar deste novo recurso, porém. É preciso que o sistema operacional tenha sido atualizado para a última versão disponível — Mac OS X 10.6.3, a primeira a incluir o framework necessário para a aceleração por hardware — e que o Mac esteja equipado com uma placa de vídeo da NVIDIA dos modelos GeForce 9400M, GeForce 320M ou GeForce GT 330M — basicamente qualquer MacBook, iMac ou Mac Mini comprado desde 2009.

A nova funcionalidade está prevista para fazer parte do próximo release do Flash Player 10.1, que está disponível em versão Release Candidate e deve ter sua versão final liberada ainda neste semestre. Quem quiser testar a versão beta do Gala pode fazer o download neste link. Mas faça isso por sua própria conta e risco, essa ainda é uma versão bastante imatura e pode tanto tanto melhorar quanto piorar o desempenho do Flash em seu Mac. (Mas se testar, nos conte nos comentários como foi! ;))