Início / Arquivos / Brasil /

Oi quer oferecer banda larga popular por R$ 15

Thássius Veloso

Por

Notícia
Achados do TB Achados do TB

As melhores ofertas,
sem rabo preso 💰

A nossa querida e amada operadora de telefonia Oi vem conversando com o governo brasileiro para tentar oferecer uma banda larga por preço mais acessível, de modo que a população mais pobre também possa ter acesso à internet em velocidades maiores a aposente de vez aquele modem de 56 Kbps. O impressionante da proposta da empresa é o preço: a banda larga poderia custar quase o mesmo que um Big Mac, apenas R$ 15 mensais.

Para que o acesso por esse valor seja praticado, a Oi teria que participar do Plano Nacional de Banda Larga (PNBL). A intenção da empresa é atender as classes C e D, que têm ganhado força no mercado nacional de telecomunicações (e de consumo, de modo geral).

R$ 15 seria o valor mais baixo pela mensalidade do Velox popular. O preço, no entanto, poderia variar de R$ 15 a até R$ 35. Convenhamos que, nos dois casos, já é muito bom e um forte concorrente aos planos de internet discada “ilimitada” que normalmente custam na faixa dos R$ 20 a R$ 30 por mês.

A Oi tem, entre seus acionistas, o Banco Nacional do Desenvolvimento (BNDES), o que pode facilitar as conversas com o governo. Também reza a lenda de que a empresa operaria essa banda larga com suporte da antiga rede de fibras óticas da Telebrás, que atualmente está parada mas o governo federal quer colocá-la de volta em funcionamento o quanto antes.

Ainda não há informações sobre as velocidades dessa banda larga, mas eu não acredito em nada maior que 600 Kbps. Não num primeiro momento.

O plano final para o acesso popular de internet da Oi deve sair em duas semanas. Fiquemos de olho.

Com informações da Exame.