Início » Telecomunicações » Operadoras superam bancos em número de queixas no Procon

Operadoras superam bancos em número de queixas no Procon

Telefônica Vivo, Claro, TIM e Oi estão entre as dez empresas mais reclamadas

Emerson Alecrim Por

A Fundação Procon-SP publicou recentemente o ranking das 30 companhias que mais geraram reclamações em 2013. As empresas de telecomunicações sempre figuraram nesta lista, mas a novidade é que, desta vez, elas conseguiram superar os bancos em número de queixas.

De acordo com o Procon, a única operadora que reduziu a quantidade de reclamações em relação ao ano de 2012 foi a Nextel. As demais, incluindo aí prestadoras de TV por assinatura, apresentaram aumento significativo no número de registros, o que as fizeram estar entre as dez primeiras posições do ranking:

  1. Telefônica Vivo
  2. Itaú Unibanco
  3. Claro
  4. Bradesco
  5. Grupo Pão de Açúcar
  6. TIM
  7. NET
  8. Oi
  9. Santander
  10. Sky Brasil

Como visto, o grupo Telefônica Vivo foi o campeão, com 11.894 queixas válidas. A companhia, por outro lado, foi a que mais apresentou soluções, resolvendo 93,33% das demandas.

O Procon-SP ressalta, no entanto, que a Telefônica Vivo, que presta tanto serviços de telefonia fixa quanto móvel no estado de São Paulo, ainda apresenta número elevado de problemas básicos, como demora para realizar reparos ou efetuar transferência de linhas, indicando que a empresa precisa melhorar urgentemente suas práticas comerciais e sua estrutura de atendimento.

torre_celular

Ainda no que se refere às operadoras, chamam a atenção os números da Oi. A empresa foi alvo de 3.662 reclamações, figurando na oitava posição, mas foi a que menos prestou atendimento: 26,02% de suas queixas ficaram sem solução.

Apesar de o comércio eletrônico não estar entre as categorias mais reclamadas, o Procon-SP destaca também o número de queixas da Nova Pontocom. A companhia, que responde pelas lojas online do Extra, Casas Bahia e Ponto Frio, teve aumento de 96,7% nos registros em relação às reclamações de 2012. De modo geral, as empresas do Grupo Pão de Açúcar tiveram 4.914 queixas em 2013, ocupando a quinta posição do ranking.

A B2W, que controla as operações do Submarino, Shoptime e Americanas.com, também marcou presença na lista, mas com um número menor de reclamações: 1.655, quantidade que a fez ocupar a 14ª colocação.

Assim como nos anos anteriores, fabricantes de dispositivos móveis também estiveram entre as empresas mais reclamadas, mas somente Motorola e Samsung aparecem no ranking (em 21ª e 13ª, respectivamente), embora seja necessário considerar que as reclamações da Samsung também incluem outros tipos de produtos.

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Paulo Antunes
A vivo era ótima, até a telefônica entrar e estragar tudo. Essa "M" de empresa espanhola tudo que poe a mão [email protected]#$%¨&&. Deixei de usar o telefone fixo porque essa empresa cobrava ligações que nunca tinha feito e eles nunca estavam errados. Optei pra não ter mais fixo e comecei a usar a vivo, até essa empresa fazer parte da VIVO...aff e começou tudo novamente. Não temos pra onde fugir.
trovalds
E isso deve representar uns 10% dos que tem problemas. O resto não reclama... daí as empresas "deitam e rolam" já que esses números são BEM pequenos.