Início » Aplicativos e Software » Fedora 18 suporta Secure Boot do Windows 8 e traz novas interfaces

Fedora 18 suporta Secure Boot do Windows 8 e traz novas interfaces

Cinnamon e MATE são alternativas para o GNOME Shell.
Instalador está mais simples, mas ainda permite configurações avançadas.

Avatar Por

Demorou, atrasou semanas, deu muita dor de cabeça, mas finalmente o Fedora 18 está disponível para download. A nova versão, além de trazer um instalador mais simples e suportar o Secure Boot do Windows 8, deixa o usuário optar tanto pelo ambiente gráfico GNOME 3.6 quanto pelas interfaces Cinnamon e MATE.

fedora18-nautilus-gcc

Umas das distribuições Linux mais antigas (uma espécie de “filha” do Red Hat), o Fedora 18 (codinome “Spherical Cow”, ou “vaca esférica” ou ainda “vaca redondinha”, se você não gosta dessas traduções literais) sofreu diversos atrasos até ser lançado, mas finalmente está disponível para download com diversas novidades para quem quer uma instalação do Linux mais tradicional e não aguenta mais aquele roxo do Ubuntu.

Entre as novidades, o Fedora 18 tem suporte ao UEFI Secure Boot, podendo ser usado junto com o Windows 8 sem maiores problemas. Além disso, o instalador foi quase todo refeito e está mais simples e bonito, mantendo o padrão atual de deixar tudo o mais simples possível para novos usuários, mas ainda permitir configurações avançadas para quem entende do negócio.

Por padrão, o Fedora 18 traz o GNOME 3.6, a última versão estável do gerenciador de janelas. Mas se você é como eu e ainda não acostumou ao GNOME Shell, é possível também usar o Cinnamon e o MATE, versões mais tradicionais do GNOME que nasceram no Linux Mint. E, se você não quer nem saber do GNOME, pode baixar o Xfce 4.10, ou ainda o KDE Plasma 4.9, além de vários outros gerenciadores de janela.

Como novidade, o Fedora 18 também apresenta o FedFS, um novo sistema de arquivos que tenta criar uma unidade entre os outros diversos sistemas de arquivos existentes. Aqueles que fazem questão de saber todas as alterações podem acessar as notas de lançamento do Fedora 18 e gastar umas horinhas vendo tudo o que há de novo nos mínimos detalhes.

Interessados em baixar e testar o Fedora 18 podem acessar a página de downloads, escolher a melhor opção de ISO e se divertir.

Com informações: Engadget.

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

LucasRCA
O pior que fico triste porque passo nas lojas, vejo core i7 de duas, três gerações, me dá vontade de trocar e não preciso. Tenho um ps3 que uso para jogos... Então... Sou sysadmin, não preciso de mais que algumas ferramentas de análise de protocolos e rotas. Fora as que os appliances de rede já me dão. :)
William Nascimento
Me desculpem amantes do Fedora. Mas pra uso doméstico não há melhor que o Ubuntu.
William Nascimento
Um Debian com 3 GB de RAM na máquina deve voar, hein amigo aushauhs =D. A leveza do linux (Ubuntu, Fedora e Debian) é impressionante perto do Windows.
Renatomobilion
Irei baixar e testar, como sempre em máquina virtual é claro.
LucasRCA
Fedora não é muito minha praia... Entre ele e o CentOS, prefiro o segundo. Há 7 anos que o DNS da empresa está lá, só trocamos as DNS keys de vez em quando... Para uso pessoal ainda uso Debian (Um core2duo com 3gb de ram). Para servidores mais robustos de alguns clientes, ainda prefiro Slackware.
Tiago Gabriel
1, 2, 3... Testando!
Fernando Mossmann
O openSUSE 12.2, lançado em 05 de setembro do ano passado, já dá suporte a UEFI. Recentemente comprei um notebook que já vem com o UEFI e funcionou perfeitamente. Não tive problemas.
rafael.gomes
Sim, é possível. Inclusive você também pode usá-lo como "live cd/dvd/pendrive" da mesma forma do Ubuntu para testar o sistema sem precisar instalar na sua máquina.
Ramon Almeida
O Ubuntu tem como instalar pelo seu instalador sem precisar de CD ou DVD, o fedora tambem tem? se não tiver, há como usar um pendrive? Queria muito testar.
Romeryto Lira
Dica: Poderiam ter falado na matéria um pouco mais sobre o FedFS, no que ele é melhor ou pior que os outros sistemas de arquivos.
Guilherme Macedo C.
A limitação é só pra hardware com UEFI e com Secure Boot ativado.
Leonardo Caldas
Engraçado... eu não sabia que havia uma impossibilidade de instalação de outro SO em dual boot com o Windows 8. Tenho uma instalação do Arch Linux já há uns 3 anos, e acabei usando um segundo HD pra instalar e testar o W8 na mesma máquina. Estou atualmente com ambos instalados, bootando pelo GRUB, e nunca tive problemas (tanto que até aqui não sabia dessa limitação referente a assinatura). Quanto ao Fedora, é uma boa distro, mas nada nesse mundo me faria usar essas novas versões do Gnome... E já que o KDE empacotado pelos desenvolvedores deles acaba sendo muito "mexido", fico com o do Arch mesmo, que é mais simples de usar e com ciclos de atualização mais rápidos.
Guilherme Macedo C.
Não precisa trocar de sistema. Bastava instalar o Cinnamon do Ubuntu :P
Guilherme Macedo C.
Problema do Secure Boot é político e muito mais abrangente que um simples "ter ou não ter chave assinada"
Kuhn
Gostei da novidade de poder instalar o Cinnamon. Ainda não usei Fedora, porém o Cinnamon foi um dos motivos para eu trocar o Ubuntu pelo Mint (outro foi o unity). Quem sabe agora não largo as distros Debian based e vou para as "filhas do RedHat". Baixando para testar...
Exibir mais comentários