Início » Curiosidades » Apple voltará a produzir iTrecos nos Estados Unidos, promete Tim Cook

Apple voltará a produzir iTrecos nos Estados Unidos, promete Tim Cook

Executivo cogita investir 100 milhões de dólares em solo americano

Avatar Por

Na primeira entrevista que deu para uma rede de TV desde que assumiu definitivamente o comando da Apple, em outubro de 2011, o CEO Tim Cook afirmou que a empresa da maçã deverá voltar a produzir “alguns” computadores em solo norte-americano em 2013. A fala aconteceu na noite da quarta-feira (5) durante uma entrevista à rede NBC, em que disse que sua empresa tem planos de “fazer mais e mais” nos EUA.

“Há anos que nós trabalhamos para voltar a produzir nos EUA”, comentou o executivo à emissora. Nos anos 1980 a Apple chegou a ter uma grande planta industrial em solo norte-americano, mas desde o final da década de 1990 migrou toda sua produção de computadores para solo asiático.

Tim Cook, CEO (imagem: divulgação / Apple)

Tim Cook, CEO

Nos últimos anos a produção da empresa na China tem sido motivo de diversas críticas por conta das condições precárias de trabalho, uso de mão de obra infantil e nos falados suicídios de trabalhadores da planta da Foxconn instalada na cidade de Shengzen.

“Não acredito que temos responsabilidade em criar certos tipos de trabalho”, disse Cook na entrevista. “Mas temos a responsabilidade de criar empregos”, completou. Ainda falando para a NBC, o chefão lembrou que os principais componentes-chave de seus produtos já são montados nos EUA: “O coração do iPhone é feito nos EUA. Mas então esses corações são exportados para serem montados. Por exemplo, o vidro do iPhone é de Kentucky”, explicou.

Nesta quinta-feira (6) falando com a Bloomberg, comentou que sua empresa está pronta para investir “mais de US$ 100 milhões” em uma nova fábrica para montar seus aparelhos nos EUA. De acordo com as previsões do executivo, a nova fabrica deverá gerar 600 mil empregos indiretos no país.

As primeiras evidências de que a Apple poderia ter planos de trazer sua produção de volta para os EUA vieram a tona no começo da semana, quando o pessoal do iFixit notou que havia a inscrição “fabricado nos EUA” na traseira no novo iMac.

Com informações: CNN e BBC.

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

@AntonioVeras
Não se preocupem, com os preço praticado no Brasil, eles tem margem de lucro suficiente para bancar a mão de obra nos EUA.
Charles Mattioda
Muita gente no Brasil não sabe mas a China e imperialista e ameaça seu vizinhos com poder econômico e militar. A guerra do Vietnã acabou com a expulsão do Exercito Chinês em 1979. UM belo dia o mundo transfere para a China fabricas e conhecimento técnico avançado para la. A China se moderniza e tudo reflete no campo militar Chinês que ja derrotou os EUA em combate simulado. Sem contar a guerra fria travada todos os dias por China, Rússia e EUA na Net ! Apple e boazinha e quer dar emprego para os Americanos !
RamonGonz
se disse q estavam trabalhando ha anos pra conseguir isso certamente estavam negociando com o governo federal e com governos estaduais pra obter beneficios, afinal 600 mil empregos indiretos é uma quantidade incrível. E do jeito que andam as coisas por lá, a mao de obra nao deve estar taaao cara quanto antes, no auge do poderio dos USA (tudo isso é baseado em achismo, afinal to vendo de longe alguns fatos isolados noticiados)
Arthur Novello
Eu ouvi dizer que a fabrica seria um Foxconn, talvez que produza exclusivamente para a Apple, mas ainda sim, não é um fabrica própria.
Bruno Rodrigues
Acho que não por mais que a mão de obra na china seja barata talvez voltar a produzir no EUA seja um bom negocio afinal ira gerar mais empregos naquele pais e os produtos da APPLE que ja são caros continuaram caros,mas assim com uma qualidade que já é excelente melhor ainda
Leandro Amorim
Talvez eles estejam planejando isso para diminuir o vazamento de informações sobre os novos produtos. Numa fábrica própria o controle seria muito maior, inibindo tentativas de vazar informações.
Fer
Ou ele conseguiu um acordo com o governo ou... Quer realmente falir a Apple!