Não faz nem uma semana que o ICANN aprovou os domínios terminados em .xxx. O novo TLD (Top Level Domain) será usado especificamente para sites com conteúdo adulto, que terão a chance de discriminar até na URL que não podem ser acessados por menores de 18 anos (considerando-se a legislação brasileira).

Lá na Índia, contudo, as coisas já estão acertadas para evitar esse cenário. Os domínios dessa nova leva de TLD serão sumariamente bloqueados pelo governo, sem nem perguntar se os indianos estão felizes com a iniciativa. Nada de pr0n para eles. E o pior é que esse deve ser apenas o primeiro país a realizar o bloqueio ao .xxx.

O ministro da tecnologia indiano disse que todas as letras que o governo poderá determinar o bloqueio a sites .xxx. Acessar conteúdo sexual é permitido na terra da vaca sagrada, mas a distribuição desse tipo de conteúdo não é. Tanto a lei como o ministério são contra isso, e parece que vão agir tendo em vista o bloqueio.

Essa era uma crítica antiga das pessoas contrárias ao TLD .xxx. Ao rotular todas as páginas da rede com pornografia, o ICANN estaria facilitando o trabalho de governos que são contra esse tipo de conteúdo. E a Índia não está sozinha, pois a Indonésia e outros países do Oriente Médio possivelmente trilharão caminho similar. Só não sei como a China ainda não anunciou bloqueio similar.

É improvável que alguma empresa dona de um site .com cujo material publicado é erótico troque seu endereço por um terminado em .xxx. Dessa forma, o que vamos ter é uma duplicidade de domínios — .xxx e .com — que apresentam o mesmo conteúdo.

Com informações: The Next Web.

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

ridwan toto
ridwan toto

Good article.. www.toto89.com

Massage-directory
usted absolutamen te derecho http://adultpunter.com/
@Masterwebinter
Uma pequena ajuda aos indianos: http://hidemy.info/ e http://hidemyass.com/ . São nessas horas que me pergunto: cadê a liberdade de expressão?
Caio Alexandre
Indianos choram.
@ThiagoCapuano
Suponho que irão condicionar o uso da denominação .xxx para conteúdo pornográfico, forçando a migração ou o corte do uso do domínio com denominação .com sob conteúdo pornográfico, forçando os provedores de fornecimento de hospedagem fazerem jus as cláusulas descritivas em todos os contratos...(aquele que ninguém lê) veja o teu contrato de hospedagem, depois procure sites pornográficos armazenados na mesma hospedagem... irá encontra pilhas. (seja qual for a hospedagem) O contexto de bloqueio da da denominação é apenas parcialmente restritiva, existem inúmeros serviços de proxy internacionais que podem ser usados, dando acesso indireto... depois que um executar o desvio de IP de acesso, levante as mãos. O bloqueio não vai impedir que os indianos fiquem sem acesso as denominações .xxx, apenas irá servir como formalidade governamental, mais nada.
Malabares
Podem até na índia bloquear, mas em outros países acho difícil até porque é um mercado que movimenta milhões e ainda deve ter algum advogado que consiga encontrar um buraco no código penal que libere o conteúdo :D
Rafael The Mist
Hahahahaha!!! Boa!!!
acustodioo
Proxy salva xD
Rodrigo Cardoso
O conteudo nao precisa ser duplicado, é so redirecionar =) redirects nao descontam pontos no google. Alem de gastar menos espeço, claro.
Alexandre
pelo jeito metade do mundo vai querer bloquear .xxx . Mas o que eh internet sem esse conteudo? riariariairiairiairairiari
Vinícius Andrade
começa na índia e logo a china faz o mesmo
Tweener
Mais do que normal, mais no final das contas, eles liberam.
@ithiiago
Sabia que iria acontecer isso, vamos ver se algum outro vai entra no Ritmo.
@AntonioVeras
www.sexy.com que o diga.
Exibir mais comentários