O Google planeja lançar o Street View, serviço que permite visualizar imagens reais das ruas de uma determinada localidade, na Suíça, em Portugal e em Taiwan nos próximos dias. Mas o plano da empresa pode estar comprometido, pois ela foi proibida de oferecer o serviço no país famoso por seus canivetes.

Haspeter Thür, espécie de procurador responsável pela Proteção de Dados Federais e Informações, acusa o Google de não ter criado mecanismos para proteger a privacidade dos cidadãos do país ao oferecer o Street Views na localidade.

O órgão que Thür dirige criou uma página na web específica para suíços que queriam ter seus rostos removidos do Street View, mas a ofensiva do governo suíço não para por aí. Uma vez que o Google só poderia capturar fotos das ruas da Suíça mediante condições previamente negociadas, cabe ao procurador decidir se o serviço poderá ser lançado no país ou não. Thür tem o poder de proibir completamente a disponibilidade do Street View.

Sim, essa imagem está disponível no Google Street View. (Reprodução)

Sim, essa imagem está disponível no Google Street View. (Reprodução)

Um porta-voz do Google disse que a empresa recebeu poucos pedidos de remoção de rostos do Google Street View na Suíça e que estava surpresa com a proibição do serviço no país. O Google se ofereceu para responder questões relacionadas à proteção de privacidade dos suíços e demonstrar (novamente) como o Street View funciona. [Ars Technica/Foto: blog Google Street View Brasil (não oficial)]

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Gustavo
Ops! corrigindo eu mesmo! QUANTO será...
Gustavo
Ele tem o poder é? Hummmm! Quando será que ele vai cobrar do Google para Deixar que o mesmo tenha o serviço lá?