Enquanto algumas empresas como o Google Topeka criam brincadeiras divertidas e descompromissadas para celebrar o primeiro de abril, dia da mentira, também tem aquelas que aproveitam a data para engajamento político. O site de torrents russo Vertor, por exemplo, decidiu cutucar os grupos de proteção dos direitos autorais nessa data. Como? Enviando um pacote de camisinhas para suas autoridades.

MPAA, RIAA, IFPI, BREIN, BPI e BSA. Essas siglas podem não fazer sentido para você, mas são organizações que representam os interesses das indústrias fonográfica, cinematográfica e de mídia em geral. Todas elas vão receber em seus escritórios centrais uma singela encomenda do Vertor contendo um pacote de preservativos nos sabores morango, menta e – veja só – banana. Além disso, também receberão um cartão muito simpático contendo a seguinte mensagem:

Para quem não sabe inglês, a tradução:

Nós queríamos
que seus pais
tivessem usado isso.

De acordo com os responsáveis pelo site, os preservativos simbolizam o desejo de que os agentes das organizações de “proteção dos direitos autorais” (ou de proteção da famigerada indústria cultural) parem de se reproduzir. Assim, também parariam de espalhar pelo mundo seus ideais retrógrados que fazem com que pessoas sejam processadas por compartilhar conteúdo.

O Vertor ainda pede que outros usuários também comprem camisinhas e mandem para as organizações com mensagens similares. Eles até mesmo publicam cópias dos comprovantes das postagens feitas na UPS.

[via Download Squad, Vertor Blog]

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

xD
Grande idéia!
Antônio Filho
Boa, boa...
Marcos
Acho que não deviam ter enviado...Assim eles vão acabar se protegendo o que evitará que contraiam uma porção de doenças de Venus...
Allyx
Ideia genial! :D