Uma das novidades mais importantes do Windows 10 é que ele suporta aplicativos portados de outras plataformas, o que pode melhorar bastante o ecossistema da Microsoft nos smartphones. Mas a empresa anunciou oficialmente nesta quinta-feira (25) que o Project Astoria, que trazia aplicativos do Android para o Windows 10 Mobile, foi cancelado.

astoria-5

O anúncio já era esperado desde que a Microsoft removeu o subsistema Android da versão final do Windows 10 Mobile. Até onde se sabe, a decisão foi motivada devido a problemas de desempenho e segurança causados pelo Astoria. Oficialmente, a Microsoft diz que “recebeu uma grande quantidade de comentários dizendo que ter duas tecnologias de migração era desnecessário”. O Islandwood, que traz aplicativos do iOS para o Windows, continua ativo.

No caso do Astoria, a migração era simples porque os desenvolvedores não precisavam fazer grandes mudanças: bastava enviar o APK do aplicativo de Android para uma ferramenta online da Microsoft e fazer as modificações sugeridas, que normalmente consistiam em substituir algumas linhas de código e trocar o ícone. As versões iniciais do Windows 10 Mobile, inclusive, permitiam que os próprios usuários executassem os APKs diretamente no smartphone.

A partir de agora, a Microsoft vai focar os esforços no Project Islandwood. Com ele, os desenvolvedores podem continuar desenvolvendo seus aplicativos em Objective-C e recompilá-los para o Windows 10 Mobile. Um dos primeiros aplicativos portados usando essa técnica foi o Candy Crush Saga, que nada mais era do que o joguinho de iOS recompilado para Windows.

Desde agosto de 2015, o Islandwood é um projeto de código aberto da Microsoft e está disponível no GitHub. Os aplicativos de iOS podem ser recompilados para Windows 10, em sistemas baseados em x86, x64 e, ainda em fase experimental, ARM.

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

F. S.
Azure, Mac na nuvem... Tudo recurso caro e complicado fora do alcance de devs independentes.
Benício Pereira
O Xamarin na verdade faz integração com o VS, permitindo fazer um projeto de código compartilhado entre as 3 plataformas (claro, o Mac precisa estar na rede, mas até pra isso já existe OS X na nuvem). E agora não é mais só parceria: a MS comprou a Xamarin. Transformar agora tudo isso em um negócio extremamente lucrativo juntando com o Azure vai ser questão de tempo. E nisso, o Windows 10 vai ganhar como uma possível consequência (ou não).
João Silverado
Sério? E as empresas como Panasonic, HP, entre outras, continuam lançando aparelhos, e a Microsoft continua investindo no sistema, e vc ainda acha que o SO ta morrendo pq? Não tem mtos aparelhos no mercado (principalmente no Brasil) com o W10 mobile (que realmente ainda não foi liberado para todos de forma oficial), mas o que ta claro mesmo é q a linha Lumia vai morrer. Mas o SO e novos aparelhos não. E se outras empresas estão fazendo, sendo q eles tem vários profissionais e pesquisas de mercado realizada, não são alguns blogs e comentaristas de notícias como vc e eu que podemos decretar a morte de um SO de uma grande empresa não acha? Agora se vc falar que o Wp8.1 vai morrer e não terá atualização para esse SO específico (tipo um Wp8.2), pois já foi dito oficialmente que estes vão virar W10, daí sim concordo com vc.
F. S.
Se fosse realmente unificado tava bom... Tem que ter uma licença do Xaramin, recursos e paciência, já que o Xaramin não deixa personalizar a instalação. E no Windows o Xaramin serve pra desenvolver pra Android... Não iOS (a menos que tenha pelo menos um Mac na rede).
F. S.
Essa frase se aplica a grandes desenvolvedoras/serviços. Mas entre os pequenos devs é mais uma questão de poder, embora C# + VS sejam superior a Java + Android Studio, o desenvolvimento é difícil (embora a MS se gabe do contrario) principalmente pelo conteúdo escasso e ter que comprar novo hardware.
McFake
Isso é oq venho dizendo! Se a MSS comprou exclusividade temporaria pra games no xbox, oq custa desembolsar alguns milhoes para ter apps lançados juntos com o ios e Android?
Trovalds
Você leu a matéria, não? Senão releia os 2 últimos parágrafos. Se o W10 vai morrer no mobile só vamos saber daqui a alguns anos.
Vitor Mikaelson
Por isso eles estão com os apps universais. Se vai funcionar ou não, daí é outra história.
Rodrigo MB Vougo
Não vai ter APP do andróid e nem do ios e o fim do windows mobile é certo veja quanto tempo essa história se arrasta e nada muda isso aí não cola mais ! A venda de celular com windows mobile está despencando diversos desenvolvedores já abandonaram o barco é a realidade . Se acha que estou mentindo . Pode pesquisar :Windows Phone está morrendo: SO apresenta queda massiva
Mithsiel
Bom, então vai continuar na mesma. Pois o que mais se vê atualmente é devs falando que só vai investir no sistema quando ele for relevante e consolidado, algo que não acontecerá sem devs. A Tencent, maior desenvolvedora da Ásia é o maior exemplo: Pulou fora do barco e disse que só voltará se algum dia o sistema ficar extremamente popular, pois no momento, de acordo com ela, desenvolver para Windows é desperdiçar recursos importantes em uma área que não gera lucro.
Luan Borges
Muito fácil ficar pedindo dinheiro pra cada atualização...
Vitor Mikaelson
Nadella já falou que não vai pagar mais. Eles tentaram isso antigamente, mas era meio complicado. Instagram é um exemplo. Havia podemos dizer, chantagem. Faziam o app (que a MS pagou) daí pediam mais dinheiro ainda para atualizar o app... Ou se não ameaçavam tirar da loja. A MS já emprestou até desenvolvedores, caso do Netflix. Eles dizem as empresas "Olha, vamos doar alguns devs para fazerem os apps, mas depois de feito, o suporte a atualizações é com vocês". Algumas empresas não querem dar o suporte aí não aceitavam.
Trovalds
As pequenas desenvolvedoras não tem cacife pra bancar uma equipe pra desenvolver pra um 3o. SO e as grandes ainda não veem perspectivas pelo tamanho do market share do WP. Como dito pelo @mithsiel:disqus, a MS vai ter que dar incentivos pra alavancar a produção de software pra plataforma. E de quebra a MS não tem 2 coisas que os concorrentes diretos tem: do iOS uma plataforma que tem rendimento financeiro direto por aplicativo grande (aka os usuários do iPhone não se importam em desembolsar alguns dólares por um aplicativo) e o Android tem uma plataforma de monetização indireta bastante desenvolvida capitaneada pelo Google, pelas propagandas. Só que o Windows 10 AINDA está pecando no mercado mais rentável, que é o corporativo. Existem relatos de problemas sérios relacionados a ambientes que tem servidores com Windows Server e Active Directory. Se a MS conseguir resolver esses problemas e mostrar que o W10 é A plataforma para o mercado corporativo, aí sim eles vão ter vantagem grande sobre a concorrência.
Trovalds
Agora foi oficial. O desenvolvimento tinha sido interrompido e os profissionais responsáveis realocados mas o projeto estava em pausa.
Mithsiel
Se a MS abrir a carteira, como ela fez com a King, qualquer dev vai querer. Mas isso vai depender mesmo da MS pagar algo para eles. Sem um incentivo,nenhum dev vai querer perder tempo.
Exibir mais comentários