George Hotz — também conhecido como Geohot e reconhecido como o primeiro a hackear um iPhone (e até o PlayStation 3) — comunicou em seu blog a respeito do iPhone que conseguiu realizar o untethered jailbreak dos dispositivos onde isso não era possível (iPhone 3GS e iPod Touch de 2ª e 3ª geração). Além disso, o hacker afirma que o novo jailbreak provavelmente funcionará até mesmo no iPad, que ainda nem foi lançado.

Sobre o jailbreak

Jailbreak é o termo usado para definir o procedimento através do qual um dispositivo com iPhone OS é “libertado” das restrições impostas pela Apple e tem seus sistema livre para ser mais amplamente customizado, instalar softwares não-provenientes da App Store oficial (o que infelizmente também abre as portas para a pirataria), trabalhar com multi-tarefa, etc. Esse procedimento está sempre sendo combatido pela Apple e cada nova atualização do sistema pode fazer o aparelho parar de funcionar (até que os hackers atualizem as ferramentas de jailbreak, claro). Além disso, obviamente, aparelhos com jailbreak perdem a garantia da fabricante.

Sobre o untethered jailbreak

Desde uma atualização promovida pela Apple no final do ano passado, alguns aparelhos, caso tenham sofrido o jailbreak, precisam estar conectados a um computador sempre que forem reiniciados ou suas baterias acabarem, do contrário o jailbreak será perdido. O untethered jailbreak resolveria esse problema, permitindo que o o dispositivo fosse reiniciado sem estar conectado a um computador e mantivesse suas configurações.

Vídeo

George Hotz divulgou um vídeo onde mostra sua solução funcionando. Todos os procedimentos realizados (até mesmo deixar o fone de ouvido plugado) servem para comprovar que aquele é um dos dispositivos afetados pela atualização que impedia o untethered jailbreak, mas agora supera a restrição de precisar estar conectado pela USB ao ser reiniciado.