Início » Arquivos » Internet » Gmail de olho em atividades suspeitas

Gmail de olho em atividades suspeitas

Avatar Por

A partir de hoje, usuários do Gmail vão contar com mais um recurso que promete aumentar a segurança do serviço do qual todos nós, nerds geeks somos tão dependentes. O alerta de atividades suspeitas vai manter um banco de dados com informações sobre a localidade a partir da qual o webmail é acessado. Por meio do IP, o Google vai ao menos saber de que país esse acesso é feito.

Com tais informações salvas, a empresa vai poder determinar quando o e-mail for aberto de um lugar muito distante ou improvável. Por exemplo, se eu abro meu Gmail em São Paulo às 8 da manhã, é altamente improvável que eu acesse novamente o webmail às 9 horas de Paris, na França.

A explicação para a nova implementação foi feita por Pavni Diwanji, diretor de engenharia do serviço: “Semanas atrás, eu recebi um e-mail supostamente de um amigo preso em Londres pedindo para ajudá-lo com dinheiro. No fim das contas, a mensagem foi enviada por um scammer que havia roubado a conta do meu amigo”. Com o alerta de atividades suspeitas, o Google passa a evitar que esse tipo de coisa aconteça.

Quando o usuário autenticar-se no Gmail, dará de cara com o seguinte aviso:

Ao clicar em Show details and preferences (Mostrar detalhes e preferências), informações sobre os últimos acessos ao Gmail serão exibidas. Caso seja necessário, o dono da conta já vai poder mudar a senha e assim garantir que o e-mail não seja acessado por uma pessoa não autorizada novamente.

[flickr Andercismo]

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Alexandre
muito bom esse recurso. hoje em dia tem que ficar de olho em tudo
Thássius Veloso
Obrigado! =)
Willian Cima
Uau, ótima medida de segurança. Ótimo texto também. Abs.