O Flipboard não se restringe mais às plataformas Android, iOS e Windows Phone. Nesta terça-feira (10), o serviço ganhou uma versão web responsiva, isto é, que se adapta a telas de variados tamanhos.

Flipboard web

Para quem desconhece, o Flipboard é uma espécie de revista digital personalizada. O serviço obtém conteúdo a partir dos sites que você definir e o disponibiliza em uma interface que torna a leitura bastante confortável.

Todo o acervo de matérias é organizado em categorias. Você pode incluir publicações para “assinar” ou mesmo navegar pelas sugestões dadas pelo serviço. É possível ainda adicionar posts de redes sociais.

O Flipboard busca oferecer estas mesmas conveniências na versão web, mas resguardando as características desta modalidade. Assim, as informações aparecem de maneira um pouco mais espaçadas e não há peso excessivo nas páginas. Além disso, a navegação foi pensada para funcionar com mouse e teclado (como em um site comum), não havendo efeitos de transição, por exemplo.

Talvez alguns usuários mais assíduos sintam que o serviço perde identidade ao deixar de ser exclusivo para plataformas móveis. Mas não é para tanto: a versão web foi planejada com cuidado para não descaracterizar o Flipboard.

A nova forma de acesso pode, portanto, atrair mais usuários para o serviço e até mesmo aumentar o engajamento: hoje, as recomendações de matérias por email, por exemplo, informam os endereços originais destas; com a versão web, o Flipboard pode passar a inserir links nas indicações que apontam para a sua própria plataforma.

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Vitor Mikaelson
Aqui o app é de boa.
Emerson Alecrim
Não foi neste post, mas eu já cheguei a escrever "Flappyboard" :B
Eliezer
Muito bom, já acesso todo dia via celular... e agora via web... vai ser muito bom...
Diego Carvalho
Alguém mais leu "flappy bird" no título da matéria?
Rosemir Ribeiro Gouveia
Ja estava mais que na hora de ter, o app do windows 8.1 é super lerdo, no windows 10 preview melhorou mais ainda esta longe de ser bom, vamos ver agora essa versão web.
Keaton
E ainda enchem o saco com a criação de uma conta lá... (Um modo de teste anonimo, o que existe em diversos outros produtos, seria muito bem vindo!) Obrigado, porém não muito obrigado. Já chega o Google vendendo meus dados.