Início » Arquivos » Computador » Rumor: as mudanças drásticas do novo MacBook Air de 12 polegadas

Rumor: as mudanças drásticas do novo MacBook Air de 12 polegadas

Quem precisa de portas USB? Quem usa Thunderbolt? Para que o conector de energia?

Paulo Higa Por

silvergray-copy-2

Estamos ouvindo falar de um possível MacBook Air de 12 polegadas desde 2013, mas parece que agora vai: o 9to5Mac, que possui um bom histórico em antecipar lançamentos da Apple, divulgou hoje alguns detalhes do novo portátil. De acordo com o site, a máquina terá alterações no teclado e trackpad para ficar ainda mais fina e poderá adotar tecnologias novas, como o USB reversível — mas removeria algumas conexões.

Segundo o 9to5Mac, as informações vêm de fontes internas da Apple que estão usando protótipos do novo MacBook Air de 12 polegadas. O notebook é consideravelmente mais compacto que o atual modelo de 13 polegadas e chega a ser até menor em largura que o de 11 polegadas: a Apple reduziu a moldura em volta da tela e o tamanho das teclas para espremer tudo em uma carcaça menor.

Como esperado, a Apple planeja reduzir ainda mais a espessura do MacBook Air. O problema é que a ideia atual da empresa seria eliminar praticamente todas as conexões: a porta Thunderbolt, o leitor de cartões, as portas USB e até o conector de energia MagSafe (!) seriam removidos. O que sobraria nas laterais? A entrada para fones de ouvido, o microfone e uma única porta USB reversível (tipo C). Assim:

Quem precisa de portas USB e conector de energia, né?

Quem precisa de portas USB e conector de energia, né?

A Apple tem um longo histórico em retirar tecnologias “velhas” de seus produtos antes das outras empresas, mas isso parece radical demais. Claro, não é algo impossível: essa nova porta USB transmite não apenas dados, mas também vídeo (diminuindo a necessidade do Thunderbolt para usar monitor externo) e energia com potência de até 100 watts (diminuindo a necessidade de um conector dedicado de energia).

O 9to5Mac diz que essa ideia de manter apenas uma mísera porta USB no novo MacBook Air é um apenas plano atual da Apple que pode mudar até o produto finalmente ser revelado ao público. E eu realmente espero que isso mude — ou então vou virar empreendedor e abrir uma fábrica de hubs USB.

Outras mudanças que tornam possível o MacBook Air ficar ainda mais fino estão no trackpad, que perde a característica de ser pressionado (gerando aquele barulho de clique) e nos alto-falantes, que ganham uma grade logo acima do teclado para que o áudio saia. Além de emitir som, esses orifícios servirão para manter a máquina mais fria, já que ela não teria ventoinhas — o Core M, da geração Broadwell, não exige mais essas coisas ultrapassadas.

keyboardgray-copy

Se os rumores estiverem certos, o novo MacBook Air deverá ser apresentado no meio do ano, provavelmente na época da conferência para desenvolvedores WWDC. Veremos.

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Bruno Correia
Foi mal, nem tinha visto a data, mas como aparentemente é um conector 3.1 padrão daqui a pouco devem aparecer mais opções de hubs e adaptadores, talvez até monitores com esses recursos já integrados.
Gabriel Arruda
Ah sim, mas fiz esse comentário antes de saber como seria esse novo MacBook. Aquele adaptador será "obrigatório", inclusive deveria vir na caixa de tão necessário que será...mas com ele dá para carregar, transferir dados e usar um monitor externo. Ou seja, o adaptador resolve, mas é caro e a remoção de todas as portas me pareceu bem injustificada no final.
Bruno Correia
O problema não é ter apenas uma porta USB, o problema ai é que essa porta USB acumula função com o carregador e fica inutilizada enquanto a máquina estiver recarregando, agora imagine a porcaria que deve ser a bateria estar acabando enquanto se faz uma cópia para uma unidade USB (hdd, flash, etc), por mais que se use Cloud ou NAS, em algumas ocasiões essa porta pode fazer falta.
Victor Paiva Torres
Não agradou. Já não está perfeito o modelo atual?
Leandro Nascimento
Ficou horroroso de feio kk
Krikaoli
16!? E o novo Air 12 Retina não vai ter USB!? Cruzes! Lá se vai a minha vontade de comprá-lo se isso for verdade.
Rafael Sanches
https://tecnoblog.net/6332/dell-lanca-latitute-z-com-carregamento-sem-fio/
Wellington Guimarães
Acho interessante a proposta mas, ainda assim, seria bom ter pelo menos duas USB's reversíveis do tipo C e que as duas pudessem ser utilizadas para recarregar o Air (uma por vez, claro. Ou, quem sabe, alguma tecnologia que permita encurtar o tempo de recarga utilizando as duas portas... vai que...). Desta forma poderíamos utilizá-lo com monitor externo enquanto a bateria é recarregada.
ricardo garcia
Para mim faz todo sentido, pois esta nova porta usb serve para carregar o macbook, da para ligar na TV usando o super MHL, se for para imaginar que o uso do macbook air é o mesmo do ipad, só que com mais ergonomia, e que o ipad tem sí uma conecção lighthing, eu só fico imaginando porque não trocam o lighthine pelo usb tipo C nos demais iDevices. Em outras palavras, acho mem razoavel este Macbook, e quanto a necessidades, adaptadores e ecessorios estão ai para isso, esse é o futuro.
Rafael Andrade
Em termos de desempenho, afinal, essa linha Core M bateria de frente com os Mac Air de agora? Pq o que sempre ouvi é que o desempenho era um pouco sacrificado em detrimento do TPU baixo, não é isso?
Gabriel Arruda
Não sei se entendi bem, mas acho que o produto que você deseja existe e é bem caro por sinal: https://macmagazine.com.br/2013/08/28/review-deixe-sua-mesa-muito-mais-organizada-com-o-thunderbolt-express-dock-da-belkin/ Eles precisam ver isso, para mim provavelmente seria um estorvo: uso o Air boa parte do tempo na tomada e com monitor externo.
Dereck Bolsanelo
Os conceitos estão bonitos, mas eu gostaria de duas entradas dessa :D
Dereck Bolsanelo
pelo preço, é bom que o carregamento seja bem mais eficiente mesmo. rs
danielneves
Quem busca esse produto busca justamente praticidade. Não vai sair carregando um mouse sem fio. Mas ainda assim.. para isso existem os mouse Bluetooth. HDMI como dito na notícia podem criar adaptadores(que é comum desde sempre nos macbook). Mas a lógica é de cada vez menos(com streaming, e ferramentas como chromecast e o próprio AirPlay) esse tipo de recurso de enviar conteúdo pra tv fique defasado.(ainda bem)
danielneves
Sério? Tive iPad desde o primeiro e isso nunca foi um problema para mim. Isso com o iOs e o sempre porco Flash para android(que eu sempre fiz questão de não ter instalado) foram decisivos para a necessária morte do Flash. Ainda mais em 2015 ainda trazer à tona isso. Quanto ao MacBook Air. Jogar nele? A tela é de 12', o teclado é pequeno.. games não é o foco dele.
Exibir mais comentários