Início » Arquivos » Celular » Dell lança novo tablet Venue 11 Pro no Brasil com processador Core de 5ª geração

Dell lança novo tablet Venue 11 Pro no Brasil com processador Core de 5ª geração

Paulo Higa Por

Venue 11 Pro 7000 Series Windows Tablet

A Dell lançou nesta segunda-feira (22) a segunda geração do Venue 11 Pro, um tablet com tela de 10,8 polegadas que roda Windows 8.1 e possui hardware atualizado, com os novos processadores Core M de 5ª geração. Com opção de teclado portátil, ele é praticamente um concorrente do Surface Pro, e isso se reflete nos preços: no Brasil, o Venue 11 Pro custa a partir de R$ 3.198.

O modelo mais básico tem processador Core M–5Y10, um chip dual-core de 2 GHz (com direito a Hyper-Threading) que traz uma GPU Intel HD Graphics 5300 integrada. Ele vem com 4 GB de RAM, 64 GB de memória flash e uma bateria que promete durar até 10 horas. A tela de 10,8 polegadas é uma IPS com resolução de 1920×1080 pixels e suporta até 10 toques simultâneos.

Venue 11 Pro 7000 Series Windows Tablet

Já o mais caro é vendido por R$ 4.098: o armazenamento pula para 128 GB e a Dell manda um teclado físico no pacote. Assim como nas outras versões, há uma câmera frontal de 2 MP e uma traseira de 8 MP, e a conectividade por enquanto é apenas Wi-Fi — em outros países, também são oferecidas versões com 4G.

O Venue 11 Pro Série 7000 será vendido como um “tablet corporativo” no Brasil, até por causa de alguns recursos de segurança do Windows 8.1 e do processador, que suporta o vPro. Em relação a um tablet “comum”, uma das diferenças é o tamanhão dele: embora a Dell tenha reduzido a espessura em 15%, ainda estamos falando de um tablet com quase 11 mm de espessura e peso de 733 gramas (!).

O tablet já está sendo vendido na loja da Dell. A geração passada do Venue 11 Pro continua sendo oferecida, custando a partir de R$ 2.299 (com processador Intel Atom e 2 GB de RAM).

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Manoel Mello
Amoled ainda é um artigo de luxo, infelizmente. Mas sinceramente, creio que um IPS com resolução full HD seja bom o suficiente. A Dell tem boa reputação com telas (ângulo de visão, nitidez, saturação e brilho), se fosse a Acer, já ficaria com um pé atrás...
Edimar G. Morais Jr.
Não justifica o preço, para mim é exploração e pra uso profissional perde feio para um ultrabook 10,8'' que custa a metade do preço. DELL caia na real, estão nos chamando de trouxas? http://www.americanas.com.br/produto/120403921/notebook-2-em-1-asus-transformer-book-t100ta-com-quad-core-2gb-32gb-500gb-led-10-1-windows-8.1
leoleonardo85
Como sempre a ideia é ótima, mas o preço não é nada convidativo.
W. Motorola
Aff nunca acho um tablet com Windows e tela amoled. Porque nao posso ter o melhor dos dois mundos ?
Gabriel Arruda
Pelo jeito, essa nova geração de processadores finalmente tornou a proposta de híbrido boa: um tablet realmente leve e poder de processamento de ultrabook. Mesmo o Surface Pro 3 era muito pesado, agora junto com Windows 10 o Surface Pro 4 deverá se tornar um produto muito interessante.