Início » Arquivos » Celular » Samsung lançará menos smartphones em 2015

Samsung lançará menos smartphones em 2015

Emerson Alecrim Por

Após apresentar mais um balanço financeiro trimestral preocupante, a Samsung terminou o mês de outubro reconhecendo que a sua linha de smartphones precisa ser reformulada. E rápido! Como parte das tão necessárias mudanças, a companhia confirmou, nesta terça-feira (18), o plano de reduzir a quantidade de lançamentos de aparelhos a partir de 2015.

Faz sentido. Um dos fatores que fizeram a Samsung ser a líder do mercado de smartphones foi justamente o lançamento de numerosos modelos, a grande maioria com Android – quem nunca ouviu a provocação “mais um dia, mais um Galaxy?”

Mas esta estratégia já não funciona tão bem quanto antes. A Samsung viu rivais como Motorola (principalmente) e Sony ganharem mais destaque justamente por se focarem em menos modelos, o que as permitiu elaborar estratégias mais eficazes de vendas.

Mas o sono da Samsung vem sendo tirado mesmo por companhias chinesas. O avanço de empresas como Xiaomi nos segmentos de smartphones de baixo e médio custos são a principal causa para o declínio das vendas da família Galaxy.

galaxy note 4 branco 04

A Samsung não deixou claro quais modelos serão descontinuados, mas seguirá por este caminho justamente para se focar em aparelhos que possam fazer frente aos dispositivos chineses. O que se sabe é que o portfólio da empresa deverá ter entre 25% e 30% de redução.

Ter menos modelos permitirá à Samsung otimizar a gestão de componentes, melhorar a logística, traçar estratégias de marketing mais enérgicas e diminuir custos com desenvolvimento de produtos. Consequentemente, a companhia conseguirá oferecer smartphones com preços mais competitivos.

É uma decisão coerente, não há dúvidas. Mas pode não ser suficiente. A Samsung também precisa renovar a imagem de seus smartphones. O padrão visual atual, com botão físico central na frente e curvas em cantos e bordas, já é tido por muitos como datado, o mesmo valendo para a interface TouchWiz.

A Samsung permanece sendo a líder do mercado com 23,8% de participação. Mas se não esboçar uma reação vigorosa o quanto antes, a empresa correrá o risco de perder este posto em um futuro próximo. Basta considerarmos que, no ano passado, a sua fatia no segmento de smartphones era de 32,5%.

Com informações: WSJ.com

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Landrutt
O problema não é vender muito, é lançar muitos modelos e cagar pra eles depois. A Samsung lança celulares datados, como por exemplo, tem modelos recentes dela no mercado que saem com Android 4.2 e com a variedade enorme deles não se compromete a atualizar o SO. Como estratégia a curto prazo é ótima e funcionou até agora, tem smartphones Samsung de 249 a 2900 reais, mas a longo prazo é um tiro no pé porque aquele consumidor que foi lá e comprou seu Galaxy Gran Y Neo Duos Prime TV 2 muitas vezes vai começar a perceber problemas inerentes aos Samsungs (exemplo, a maldita TouchWiz) e quando for trocar de aparelho vai passar longe dos da mesma marca porque a percepção de que é ruim está lá. Eu sou um do tipo, tive por um ano e meio um Galaxy S3 4G...nas primeiras semanas, nos primeiros dois meses, era excelente, depois virou uma carroça; apareceu problema no Wi-Fi, teve a placa trocada duas vezes na garantia e nos últimos tempos o uso do celular tinha se tornado insuportável tamanha a lentidão. E não me venham com a ladainha do root, ROMs alternativas, porque a obrigação de me fornecer uma experiência aceitável de uso é da Samsung, embora eu não tenha nada contra quem faz. Troquei por um Moto G 16GB 2014, perdi o 4G, é verdade, perdi firulas dispensáveis que a Samsung coloca nos seus aparelhos mas ganhei muito mais agilidade, uma experiência de uso mil vezes melhor. Ainda tenho o S3 guardado, vez ou outra ligo ele e fico me perguntando como consegui usá-lo por tanto tempo.
Bruno
Continua com muitos aparelhos.
Rodrigo Gomes
2014 e vocês ainda estão falando de Samsung? Shame on you...
Burnerman_X
"O que se sabe é que o portfólio da empresa deverá ter entre 25% e 30% de redução." Ou seja, ainda teremos aparelhos pra c&¨%##
Vinícius
Vejo com moto g
Arthur Britto
E começa a nascer a nova Nokia. Samsung virou sinal de dor de cabeça, começando pelo péssimo suporte.
Felipe Ferreira
A questão não é só reduzir a quantidade absurda de modelos, a Sammy não entendeu que celular não é copo descartável para se jogar fora em menos de 1 ano! Somando isso ao hardware meia-boca, e ao lixo do TouchWiz, o resultado não poderia ser outro. Que venham a Xiaomi, Motorola, Asus e Sony.
Felipe Ferreira
Infelizmente a imagem do Android nunca mais será a mesma. Espere até ver o lindo Android Lollipop com a TouchWiz, será como ver uma linda mulher ficar feia em instantes.
Breno Ribeiro
Prevejo uma gigante caindo, assim como o que aconteceu com a Nokia. Não de forma tão dramática, mas acredito que a Motorola é a mais cotada para assumir o topo devido a sua política com os mid-ends.
Gabriel
Sansung tao falada mesmo assim com os melhores aparelhos no mercado hoje em dia
Gustavo Hofer
parou de vender pq é a empresa que mais fica com frescura na hora de atualizar o android e quando atualiza coloca um monte de tranqueira. queria ver se a motorola ia vender tanto se o S3 fosse atualizado pro android 5. o ponto falho da motorola são as baterias, vamos ver se a lenovo resolve isso
Josiel Hen
estou rindo, tanto quanto no dia em que eles lançaram o bandaid
Josiel Hen
O triste é que mesmo com a Motorola, acho que vai durar um bom tempo até que essa imagem deturpada do Android fique pra trás, é uma pena.
Murilo Cortez
já era hora... onde você está você vê alguém com Galaxy .. é Galaxy 1,2,3,4 é Galaxy Y, Duos, Dual, Mini, Grand Duos... reformulação e melhoria na qualidade já... eu mesmo, se a Samsung continuar assim, vou trocar de marca...
Sergio Fagundes
Sempre fui apaixonado por samsung... até começar a usar seus celulares. Dai começou a lançar 3000000000000 milhões de modelos a cada semana. Fornecendo uma experiência no mínimo porca (quando troquei o android da samsung pelo cyanogen no meu tablet foi como tirar 100kg de peso de um nadador). Ainda bem que a Motorola apareceu de novo e me deixou feliz com meu singelo moto-e.
Exibir mais comentários