Início / Arquivos / Computador /

Finalmente: Apple lança iMac de 27 polegadas com tela Retina

Quase esquecido, Mac mini também ganhou novidades

Emerson Alecrim

Por

Notícia
Achados do TB Achados do TB

As melhores ofertas,
sem rabo preso 💰

Não é comum a Apple tratar de apenas um único produto em seus eventos. Nesta quinta-feira (16), na coletiva que confirmou os novos modelos do iPad, a companhia também renovou o iMac. A principal novidade? A tão esperada chegada da tela Retina à linha.

O iMac que recebeu o update é a versão de 27 polegadas. O display do modelo agora conta com assombrosos 5120×2880 pixels. Trata-se de uma resolução sete vezes maior que o Full HD. É o que a Apple chama de tecnologia “Retina 5K”.

iMac Retina

Para dar conta de tantos pixels – há 14,7 milhões deles ali -, a Apple equipou o novo iMac com um controlador de tela mais potente e aplicou materiais no componente que o tornam mais apto à exibição de tantos detalhes. O painel conta, por exemplo, com um backlight de LED específico para esta resolução e que, ainda assim, pode economizar até 30% de energia.

Outros itens de hardware também foram atualizados. Como processador, o iMac anunciado hoje pode ter desde um Intel Core i5 de 3,5 GHz quad-core até um Core i7 quad-core de 4 GHz. A versão mais básica vem com 8 GB de RAM expansíveis até 32 GB. A parte gráfica, por sua vez, ganhou GPUs AMD R9 290X e 295X. Há também suporte a portas Thundebolt 2 e Fusion Drive mais rápido (tecnologia que combina HD com SSD).

Na parte externa, praticamente não há mudanças, o que não chega a ser ruim: o iMac de 27 polegadas permanece com seu visual sóbrio e elegante, além da espessura de 5 mm nas áreas mais próximas à borda.

iMacs

O “iMac Retina” começa a ser vendido hoje. Nos Estados Unidos, o preço sugerido para a configuração mais básica do modelo é de US$ 2.499. No Brasil, a novidade custará a partir de R$ 13.999 (pois é!).

Pelo menos por enquanto, o iMac de 21 polegadas e o modelo de 27 polegadas da geração anterior continuam sendo comercializados pela Apple.

O Mac mini também foi atualizado

Quem acreditava que o Mac mini não seria mais atualizado e, consequentemente, logo faria parte da lista de produtos descontinuados da Apple, se enganou: a companhia também renovou o pequenino modelo.

Por fora, tudo continua como antes. Por dentro, o Mac mini passa a contar com processadores de quarta geração da linha Intel Core, Wi-Fi 802.11ac e duas portas Thunderbolt 2.

Mac mini

Nos Estados Unidos, a versão mais barata está à venda a partir de hoje por US$ 499. No mercado brasileiro, o preço inicial é de R$ 2.799.

Convém ressaltar que, assim como o “iMac Retina”, o novo Mac mini sai de fábrica com o OS X Yosemite.