Início / Arquivos / Internet /

OneDrive pode estar prestes a suportar arquivos com mais de 2 GB

Emerson Alecrim

Por

Notícia
Achados do TB Achados do TB

As melhores ofertas,
sem rabo preso 💰

Depois de passar a oferecer 15 GB de espaço gratuitamente e 1 TB para assinantes do Office 365, o OneDrive pode estar prestes a receber novidades que o tornarão ainda mais atraente. Entre elas está o tão desejado suporte a arquivos com mais de 2 GB de tamanho.

OneDrive

O rumor surgiu no último final de semana. Um usuário afirmou no Reddit ter conseguido sincronizar arquivos com mais de 2 GB em sua conta no OneDrive sem enfrentar dificuldades. Na sequência, outros usuários relataram o mesmo feito.

Pode ser um bug? Pode, mas no canal do OneDrive no UserVoice (site que oferece ferramentas de comunicação entre empresas e clientes), um funcionário da Microsoft explicou que a empresa já está trabalhando para eliminar o limite que impede a sincronização de arquivos com mais de 2 GB no serviço.

Até o momento, a Microsoft não soltou nenhum pronunciamento oficial sobre o assunto. Quando procurados pela imprensa, seus representantes simplesmente respondem que não há informação a ser dada. Mas a companhia tem bons motivos para estar mesmo trabalhando para remover ou ao menos aplicar um limite mais generoso.

O Google Drive suporta arquivos com até 5 TB de tamanho. O Dropbox, por sua vez, tolera até 10 GB, mas apenas para arquivos enviados a partir do navegador; nos uploads via apps oficiais, não há limite.

Se levarmos em conta que os três serviços vêm oferecendo planos com capacidades de armazenamento equivalentes (o Dropbox aumentou o espaço das contas Pro para 1 TB na semana passada), as funcionalidades passam a ter cada vez mais peso para os usuários.

Suposto arquivo com 4 GB no OneDrive

Suposto arquivo com 4 GB no OneDrive – A imagem vem do perfil biggerthan2gb no Twitter, criado, veja só, como campanha contra o limite de 2 GB

Neste sentido, a página do OneDrive no UserVoice dá pistas para outras possíveis novidades. Uma delas é a capacidade de fazer pesquisas no OneDrive a partir do conteúdo de arquivos do Office ou em PDF, e não apenas pelo seu nome.

Outro recurso é a possibilidade de compartilhar arquivos com outros usuários sem necessidade de links. Neste modo, o material compartilhado apareceria imediatamente na conta da outra pessoa.

Como já informado, não há confirmação sobre a implementação destas funcionalidades. Mas como o OneDrive parece ter ganhado um lugar de destaque nas prioridades da Microsoft, não é sonhar alto esperar novidades para um futuro próximo.

Com informações: The Next Web