Brasileiro ganha o Nobel de matemática após calcular a idade de Glória Maria. Carla Perez viraliza nas redes após escrever certo no Twitter. Computador do Planalto altera PIB para 7%. É claro que essas notícias são falsas e vêm de sites humorísticos, mas aparentemente o Facebook descobriu que nem todo mundo sabe disso — por isso, está testando uma novidade que consiste em indicar esses posts com a tag “sátira”.

O experimento, de acordo com o Ars Technica, está acontecendo há um mês. No entanto, o teste ainda parece estar restrito a um site, o famoso americano The Onion. Ou seja, pelo menos por enquanto, o Facebook não vai evitar que seus amigos desatentos fiquem assustados ou indignados com alguma “notícia” vindo do Sensacionalista, Jornal VDD ou Piauí Herald.

the-onion

Além disso, o recurso está funcionando de forma bem discreta: a indicação “sátira” aparece somente nos artigos relacionados, aqueles que surgem depois de o usuário clicar no link do post e voltar para o Facebook. Parece que o Facebook não quer afetar muito o tráfego que direciona aos sites de terceiros — e que já não está tão alto quanto nos velhos tempos.

O Facebook confirmou o experimento, afirmando que o “pequeno teste” está sendo feito porque os usuários “queriam uma forma mais clara de distinguir artigos satíricos de outros artigos”. Como qualquer teste, ele pode nunca ser lançado para todos os usuários. Se for, provavelmente daremos menos risadas com coleguinhas incautos no futuro.

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Edmilson_Junior
Acho que teve gente que acreditou na notícia de Saturno se chocar com a terra em breve. Não há oque fazer, não vai ser uma tag que vai melhorar a interpretação de texto dessas pessoas.
Guest
Uma pessoa que consegue acreditar nessas notícias de redes sociais certamente vai continuar acreditando, mesmo com essa medida.