Início » Arquivos » Internet » Google abandona desenvolvimento do Gears

Google abandona desenvolvimento do Gears

Avatar Por

“Aparentemente o Chrome para Mac não tem Gears nativo”. Eu fiz essa observação há uma semana no meu perfil pessoal do Twitter. Hoje o Google deu um pouco mais de esclarecimentos sobre o futuro do Gears: a plataforma será abadonada aos poucos, enquanto que o HTML5 começará a ser empregado com maior frequência.

De acordo com Ian Fette, da equipe do Gears, uma versão do Google Chrome disponibilizada em janeiro já contêm API para armazenamento local de dados relacionados a aplicações rodando JavaScript, entre outros. Isso é interessante para o usuário porque permite criar aplicações mais robustas, que tirem proveito do recursos locais da máquina (por exemplo: o WordPress instalável, que o TB usa como plataforma de publicação, é uma aplicação web que já tira proveito do Gears e certamente vai se aproveitar das novas tecnologias desenvolvidas pelo Google).

A intenção da empresa é permitir que esse tipo de recursos esteja de acordo com os padrões web (web standards), e por isso a escolha do HTML5 para esse tipo de implementação é natural. Mas Fette admite: ainda não é possível replicar todas as funções do Gears em HTML5. Portanto, a empresa vai continuar dando suporte ao Gears, embora não pretenda dar novas funcionalidades a ele. Tanto o Firefox quanto Internet Explorer continuarão a ter o plugin.

Usuários de Mac não estão tão bem assim. A empresa decidiu não dar suporte a Google Gears para o Safari no Snow Leopard e SOs subsequentes. Da mesma forma, creio que o Google Chrome para Mac também não terá o Gears implementado.

[Dica do leitor Micael Silva, com informações: TechCrunch, Mashable. Você também pode mandar dicas de posts por meio de replies para @tecnoblog]

Comentários

Envie uma pergunta