Início » Arquivos » Gadgets » Pulseira Myo, que permite controlar tudo com gestos, será lançada em setembro

Pulseira Myo, que permite controlar tudo com gestos, será lançada em setembro

Avatar Por

O controle por movimentos, apesar de fazer parte do nosso mundo, tem pouco espaço no nosso cotidiano – temos como exemplo o Kinect e o Leap Motion que, apesar de terem diversas aplicações, ainda não são precisos o suficiente e precisam que o movimento seja direcionado a eles, tornando-o menos natural do que o ideal.

Nesse contexto, a pulseira Myo, da Thalmic Labs, é bem interessante, se realmente funcionar como no vídeo de apresentação. Talvez você já tenha ouvido falar dela, pois está em desenvolvimento há mais de um ano.

No tal vídeo, a pulseira é vista sendo utilizada desde para entretenimento, com videogames ou controlando mídia, como em uso profissional, em apresentações ou aulas, e até militar.

A Myo tem toda essa precisão porque, ao ser colocada no antebraço, utiliza sensores de eletromiografia e consegue perceber os movimentos dos diversos músculos dessa área, também influenciados pelos das mãos. A ideia chamou a atenção de gente grande, como Steve Wozniak, que elogiou o projeto, além de render financiamento de diversas iniciativas para a empresa.

A pulseira tem compatibilidade com Windows, Mac, iOS, e Android e, desde dezembro, desenvolvedores estão trabalhando com o seu SDK, de modo que, quando ela for lançada, haja bastante coisa para fazer com a Myo. A versão final deve começar a ser enviada em setembro.

Se você está imaginando como seria utilizá-la com óculos de realidade virtual como o Oculus Rift, sim, já fizeram essa integração – e, segundo a Thalmic, é tão impressionante quanto parece:

Caso você tenha se interessado e queira ser um early adopter da pulseira, ela está em pré-venda no site por 149 dólares (sem contar frete e impostos) e eles enviam para o Brasil.

Com informações: Veja.com

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Ademar Abiko Jr.
Desde que eu soube disso fico na dúvida de como ele lida com não movimentos.
Carlos Alex
Fino. Entrou pra minha lista de futuras aquisições.