Início » Arquivos » Aplicativos e Software » Com nova interface e recursos, versão web do Vine fica mais completa e amigável

Com nova interface e recursos, versão web do Vine fica mais completa e amigável

Avatar Por

O Vine lançou hoje uma nova versão para navegadores, que permite fuçar à vontade pela rede social direto do seu computador, sem precisar fazer o download do app e nem ter uma conta no serviço. Vamos ver como ficou?

vine web

De modo geral, o resultado é uma boa adaptação do aplicativo, focada em busca e categorização de vídeos por temas. Tudo está bem fácil de visualizar e explorar. Na página inicial, ficam em destaque alguns vines escolhidos pela equipe, o que ajuda a encontrar conteúdo novo. Isso também está disponível no aplicativo, mas parece mais natural e cômodo fazê-lo na web, onde não é preciso passar por “abas” diferentes: no site, está tudo na home.

Entre as novidades, há listas de vídeos, hashtags mais utilizadas (alô, Trending Topics!) e viners em destaque. O modo TV, lançado em janeiro, também está presente e combina bastante com o formato web: com ele ativado, os vines de uma categoria passam automaticamente, um em seguida do outro, como uma playlist de verdade.

vine web 2

Ao fazer o login com sua conta, dá para ver seu feed e interagir com curtidas, revines e comentários. Enviar vídeos ou mensagens pessoais, só pelo aplicativo mesmo.

Não há muita diferença em acessar o site com login feito, mas dá para entender que a manobra de abrir o conteúdo da rede social para todos serve como uma maneira de divulgá-la e, no mínimo, conseguir mais gente compartilhando e conhecendo o aplicativo, mesmo que não isso não se transcreva em downloads. Estar presente em mais de uma plataforma, apesar de trazer mais trabalho e gastos para manter tudo no ar, também aumenta o público que terá acesso às produções.

Para explorar o novo Vine na web, é só ir lá no site da rede social.

Com informações: The Verge

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Pedro Henrique Ferguson
Acho 6 segundos muito pouco :/