Início / Arquivos / Antivírus e Segurança /

Brecha de segurança afeta 100% dos usuários de Internet Explorer

Thássius Veloso

Por

Notícia
Achados do TB Achados do TB

As melhores ofertas,
sem rabo preso 💰

Em pleno final de semana, a Microsoft confirmou que uma brecha de segurança no Internet Explorer pode afetar até 100% da base de usuários do navegador no planeta. As primeiras informações são de que o problema foi verificado desde o IE 6 até a versão 11, a mais recente.

De acordo com a companhia, a vulnerabilidade tem a ver com a forma como o IE acessa itens da memória que foram apagados ou não foram alocados corretamente. Os criminosos conseguem tomar controle do computador para instalar softwares ou visualizar e apagar arquivos, bem como simplesmente abrir um site. Parece que a situação é bem séria. Ainda mais para quem ainda tem Windows XP rodando no PC.

O Internet Explorer responde por 55% de todo o mercado de browsers, segundo a consultoria NetMarketShare. Metade da internet pode estar em apuros.

Internet Explorer 8 no Windows XP (Crédito:  Paul Thurrot's Supersite for Windows / winsupersite.com)

Internet Explorer 8 no Windows XP (Crédito: Paul Thurrot’s Supersite for Windows / winsupersite.com)

Embora a Microsoft esteja trabalhando em uma correção para a vulnerabilidade, é sabido que as pessoas com XP ficarão a ver navios. A companhia encerrou o suporte ao sistema operacional no início do mês, 13 anos após seu lançamento. Ainda hoje, algo entre 15% e 25% do planeta rodam o sistema, segundo uma projeção do Business Insider.

A brecha foi descoberta pela empresa de segurança FireEye, que está trabalhando em conjunto com a Microsoft para lançar uma correção. A empresa informou que já foram registrados ataques dentro dos Estados Unidos, tendo como alvo organizações dos setores de defesa e finanças. A FireEye não entrou em detalhes sobre quais companhias foram atacadas.

Ainda não há uma data para a liberação da correção. Por enquanto, entre as recomendações da MS, a mais interessante é configurar os ajustes de segurança do Internet Explorer para o modo mais elevado, fazendo com que o browser não execute componentes ActiveX por padrão. O passo a passo em inglês está no registro da vulnerabilidade, dentro do site de documentação da companhia.

O recado para quem tem Windows XP: instale o Windows 7 ou Windows 8! Palavras da Microsoft à agência de notícias Reuters. Pelo menos você ainda pode usar o papel de parede icônico do XP.

Windows XP com o Bliss, seu wallpaper padrão

Windows XP com o Bliss, seu wallpaper padrão

Outra recomendação bem mais prática: instalar outro navegador. Existem algumas boas opções no mercado, entre elas o Google Chrome e o Mozilla Firefox. Ambos têm suporte ao XP.

O fim das atualizações do sistema operacional fizeram com que empresas de segurança se movimentassem para ocupar o espaço antes da Microsoft, a provedora oficial de correções do XP. Entre os postulantes está o buscador Baidu. Eles mantêm um antivírus gratuito que, segundo diz a empresa, continuará cobrindo o XP.

A Symantec informa que a linha atual de produtos Norton é compatível com o XP Service Pack 2, mas em seguida faz uma série de ressalvas sobre novas vulnerabilidades. “Dependendo da natureza das ameaças envolvidas, o Windows XP pode se tornar sensível a vírus e riscos aos quais as versões mais recentes do Windows são imunes. Por isso, recomendamos atualizar o mais breve possível o Windows XP instalado no computador”, diz em uma página.

Mesmo com o esforço de empresas de segurança interessadas nos usuários de XP, a perspectiva não é muito boa. Vulnerabilidades do sistema são problemas reais que se “sobressaem” sobre a tecnologia dos softwares de segurança, de acordo com o especialista no assunto Altieres Rohr. Ele gravou um vídeo para o site Linha Defensiva explicando por que você, usuário do velho Windows, deve atualizar seu sistema rápido – correndo! —, antes que seja tarde demais.