Início » Arquivos » Brasil » Velocidade de conexão à internet no Brasil é mais lenta que no Azerbaijão e Iraque

Velocidade de conexão à internet no Brasil é mais lenta que no Azerbaijão e Iraque

Líder, Coreia do Sul tem velocidade média de 21,9 Mb/s; Brasil é 83º lugar

Paulo Higa Por

A Akamai liberou nesta quarta-feira (23) mais um relatório do estado da internet mundial, referente ao último trimestre de 2013, que revela dados como a velocidade das conexões por país e a quantidade de ataques a servidores. A boa notícia é que, no mundo todo, as conexões melhoraram 27% em um ano. A má notícia é que o Brasil amarga o 83º lugar, atrás de países menos desenvolvidos, como Azerbaijão e Iraque.

A velocidade média da internet mundial é de 3,8 Mb/s. Sem surpresa, Coreia do Sul e Japão encabeçam a lista de países com as conexões mais rápidas do mundo: eles possuem conexões com médias de 21,9 Mb/s e 12,8 Mb/s, respectivamente. O ranking é seguido por Países Baixos, Hong Kong, Suíça, República Checa, Suécia, Letônia, Irlanda e Estados Unidos, todos com médias entre 10,0 Mb/s e 12,4 Mb/s.

akamai-velocidade-internet-4t-2013

Com velocidade média de 2,7 Mb/s, o Brasil está apenas em 83º lugar. Mesmo considerando apenas o nosso continente, nossa posição não é boa: em nono lugar nas Américas, estamos bem atrás dos líderes Estados Unidos (10º) e Canadá (16º) e logo abaixo da Argentina (73º) e Colômbia (79º). Nossa conexão é pior que a do Azerbaijão (2,8 Mb/s), Iraque (2,9 Mb/s) e Cazaquistão (3,9 Mb/s).

velocidade-internet-akamai-mapa

22% das conexões brasileiras possuem velocidade acima de 4 Mb/s

22% das conexões brasileiras possuem velocidade acima de 4 Mb/s

O relatório da Akamai também aponta as médias de pico, ou seja, a média entre as velocidades máximas entre os IPs únicos em uma região geográfica. Nesse ranking, nossa velocidade aumenta bastante, mas a dos outros países também, o que não nos ajuda muito a subir na lista: em 76º lugar, a média de pico no Brasil foi de 20,4 Mb/s, também abaixo da média mundial, de 23,2 Mb/s. Hong Kong é o líder, com invejáveis 68 Mb/s.

As conexões acima de 10 Mb/s no Brasil representam apenas 0,4% do total. Quando consideradas as velocidades acima de 4 Mb/s, essa porcentagem sobe para 22%. Enquanto isso, do outro lado do mundo, na Coreia do Sul, só 6% das conexões são abaixo de 4 Mb/s. É fato que, embora grandes cidades brasileiras contem com boas conexões, regiões mais afastadas ainda sofrem com a falta de infraestrutura e possuem poucas opções.

Você pode conferir o relatório de 44 páginas da Akamai na página State of the Internet ou logo abaixo. O documento não mostra todos os países avaliados pela Akamai; para ver todos os dados em um mapa, acesse esta página.

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

JuniorEduardo Silva

foda se

portela.thiago
tsc tsc tsc.... tem gente q ainda defende. A internet brasileira está esse lixo por causa do protecionismo que existe do acordo das operadoras com o governo. Se houvesse um comércio realmente livre, a concorrência já teria expandido uma rede com velocidade maior para, pelo menos, as conurbações urbanas das capitais (SP e grande ABC, por exemplo). Te digo que nem as regiões suburbanas da cidade tem internet acima de 4mbps, E não falo só de quem mora nos extremos da cidade, onde moro só existe o lixo da Speedy a 2mb/s e olha que, considerando o transito de São Paulo, moro a 20 min do centro (carro). E 4mbps ainda é uma bosta, considerando que existe a oferta de 35 e 50mbps em alguns (poucos) locais da cidade. Então, pele vermelha, antes de falar que o estudo é tendencioso, saiba que o governo e seus órgãos regulamentadores não fazem o mínimo esforço para levar internet para os centros urbanos, que sá para o interior e regiões mais afastadas.
portela.thiago
Doce engano. Em São Paulo mesmo são muitas as regiões cujo a velocidade não chega a 4mbps. E não falo só de quem mora nos extremos da cidade, onde moro só existe o lixo da Speedy a 2mb/s e olha que, considerando o transito de São Paulo, moro a 20 min do centro (carro). E 4mbps ainda é uma bosta, considerando que existe a oferta de 35 e 50mbps em alguns (poucos) locais da cidade.
Bruno Caitano
Acho que só a eliminação da Anatel já resolveria o problema do Brasil.
Robson C.
O interessante seria um comparativo de upload. Os nossos planos são vergonhosos. Não sei se são assim nos resto do mundo.
Fausto Santos de Souza
Fernando Garcia Eu tenho Oi Velox 15Mbps e pago R$69,90. São João de Meriti, RJ
Vitor Afv
Vitor Salvatore Petrova Mikaelson kkkkkkkkkk
Vitor Salvatore Petrova Mikaelson
Pago NADA. A GVT deu de graça por um ano, 35mb. kkkkkkkkkkk
guilhermebr1
Moro em SP CAPITAL e aqui no meu bairro a VIVO libera o speedy no máximo 2MB, e nada de NET ou GVT por aqui :(
Flavio Kodama
nem as operadoras sabem quanto custa. a internet funciona que nem o transito quando todo mundo quer usar ninguem consegue, quando ninguem quer usar eh absurdamente boa. nao adianta cobrar mais ou menos, tem que ser por horario porque as ruas(os cabos) nao vao duplicar nem diminuir.
Fernando Garcia
Acho que as operadoras tem uns mil planos diferentes cada uma, pra criar uma grande confusão e ninguém saber direito quanto paga ... Eu tenho NET 10 MB pago R$ 109,00 .. Meu plano tem alguns anos Santo André - SP
Fernando Garcia
A catástrofe de uma má privatização feita pelo PSDB eseguida de uma agência reguladora cheia de companheiros.. Não podemos esperar grandes mudanças nos próximos anos, infelizmente ....
bertassi
Nao esperava uma matéria deste teor oportunista por aqui.... Ao ler o conteudo do relatório voce veria que o Brasil teve a maior penetracao entre 10 paises, 47% de acessos a mais. Além disso, esses acessos geralmente provem da populacao mais carente, que adquire sua primeira internet, entre elas o plano que o governo estipulou preco e velocidade, que é BEM baixa. No relatório temos que apenas 1,16% do Brasil tem internet acima de 10M, entao como voce espera uma média alta, cara pálida??? Seja ao menos coerente de comparar a velocidade de paises com dimensoes geograficas e quantidade de acessos equivalentes.
sousaesilva.rafael
Vergonha alheia records!!!
Mauro Arthur Maciel
São as operadoras porcarias puxando o ranking para baixo...
Exibir mais comentários