Início » Arquivos » Jogos » Microsoft estuda emular Xbox 360 no Xbox One

Microsoft estuda emular Xbox 360 no Xbox One

Avatar Por

Você queria retrocompatibilidade? A Microsoft vai te arrumar isso, assim que descobrir como.

Parece uma afirmação meio óbvia, mas, até agora, não havia notícias oficiais de que a retrocompatibilidade chegaria ao Xbox One de qualquer forma, ou de que a empresa estaria trabalhando para conseguir isso.

Talvez a rápida solução da concorrente Sony tenha apressado as coisas para o lado da Microsoft. A Sony resolveu o problema da retrocompatibilidade com o PlayStation Now, anunciado na CES deste ano, que utiliza tecnologia da Gaikai para rodar jogos por streaming – e, de quebra, em mais dipositivos, como PS Vita, TVs da linha Bravia, smartphones e tablets.

xbox-one-microsoft

No sábado, o responsável pelo relacionamento com desenvolvedores para o Xbox, Frank Savage, disse que há planos para a criação de um emulador de Xbox 360 no One, “mas ainda não terminamos de pensar nele, infelizmente. É difícil emular a arquitetura PowerPC na x86”. A arquitetura PowerPC é a utilizada no 360 e no PS3; a x86, característica da oitava geração, no One e no PS4.

Emular um 360 no One não quer dizer que, para jogar novamente suas cópias físicas de jogos do 360, será necessário apenas colocar o disco e esperar que ele carregue; é mais provável que a saída da Microsoft seja utilizar apenas cópias virtuais para o console emulado – e talvez seja necessário comprá-los novamente.

Por via das dúvidas, guarde com o seu 360 por mais um tempo…

Com informações: Kotaku Austrália

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Marcos Roberto
Rapaz e não é que hj ta funcionando mesmo hehe
Carlim Carcereiro
E digo mais. Além de conseguiem fazer o emulador já colocaram mais de 150 jogos na retrocompatibilidade....
Elvis
ja conseguiram fazer este emulador por que a data que estou vendo isto e 12/03/2015
Eduardo Narciso
nao a a midia do Xbox 360 é DVD-DL o HD DVD era um leitor externo que foi descontinuado
João Alberto Cruz de Melo
A mídia do Xbox 360 na é Hddvd? Aí tem esse problema também, o leitor do one é BD.
Vagner Alexandre Abreu
Rennan Alves da Costa Você resumiu minhas idéias. Grato. =D
Rennan Alves da Costa
De fato prezado Vagner, o pequeno lucro não justifica a retro compatibilidade. O custo com servidores (se este jogo for online), desenvolvedores (para correção ou manutenção do código), impressões de mídias, atualizações do sistema, etc. torna inviável a manutenção e continuidade dos jogos antigos. Acredito que a emulação de jogos antigos em consoles novos não seja uma jogada eficiente, uma vez que, o motivo principal da venda de um console são os jogos lançados para este. Um consumidor que busca atualizar seu console, procura saber o que é mais vantajoso para que sua compra seja justificada. Se este console recém lançado consegue "rodar" os mesmos jogos que um console de geração anterior, então o cliente continuará com seu console anterior por comodidade, já que não encontrou motivos suficientes que justifiquem o upgrade.
Felipe Daidouji
Leonardo Fonseca Ferreira Isso é verdade, além do fator mercado, tem o fator Sony, e seu sistema de stream que nem sequer vai exigir processamento local, será tudo na Nuvem, essa é a pedra no sapato do XOne.
Leonardo Fonseca Ferreira
a microsoft tem toda a biblioteca de baixo nível dos processadores do xbox, o que não ocorre com a equipe de desenvolvimento dos emuladores de ps2 e etc... por isso, eles não funcionam de forma 'descente'. sem contar que, o dk do xbox 360 roda em um pc x86, então, muito provavelmente o core desse emulardor pra xobox one já esta quase pronto, tenho quase certeza que o problema ai é de mercado e não técnico. vou deixar de vender 360 se fizer isso? essa é a pergunta que a microsoft esta se fazendo...
Felipe Daidouji
Leonardo Fonseca Ferreira se a MS conhecer bem (eu acredito), o seus consoles sim é perfeitamente possível, mas ainda tenho minhas duvidas, no cenário atual da emulação, por exemplo, os emuladores de PS2 (PCSX2) e o Wii (Dolphin) estão começando agora a rodar os jogos de forma decente e são da geração passada.
Leonardo Fonseca Ferreira
é na verdade, sem ter que fazer a eng reversa, pra própria microsoft seria ate muito fácil criar um....
Felipe Daidouji
Leonardo Fonseca Ferreira valeu amigo, já estava vindo aqui retificar o que escrevi. ;)
Vagner Alexandre Abreu
Rômulo Pelição de Farias Se para um fabricante existe retrocompatibilidade, imagino que não é tanto lucro quanto parece. Afinal, vai trabalhar com bibliotecas antigas de jogos, e isso incentiva mais é a venda de jogos usados.
Rômulo Pelição de Farias
Vagner Alexandre Abreu Na verdade compensa pro fabricante ganhar dinheiro. Até onde eu sei, o console em si dá prejuízo, o lucro retorna na forma de serviços e jogos. Você tem um PS4 novinho, OK, porém se o mesmo rodar toda a biblioteca de PS3, que já existe fábrica, mercado, quantidade, distribuição, é "lucro a mais" pro fabricante. Mas sim, eu sei, sou minoria que realmente se importa com retrocompatibilidade. Porém, não muda o fato de que a abordagem do Wii, por exemplo, é a mais "honesta". Todos os Wiis rodavam GameCube nativamente, até sair uma nova revisão, que tirou, mas já foi quase perto do fim de vida. Ou então a Microsoft, que, como eu disse, tem suporte até hoje aos jogos de Xbox 1 no 360. Enfim, vamos ver o que vai dar... Se o esquema do PS4 vai funcionar legal... se a Microsoft vai obter êxito na emulação via software.. no final, quem ganha é o consumidor.
Vagner Alexandre Abreu
Você e pessoas similares é um caso. Como eu disse, o mercado é maior e não é voltado a só o que as pessoas iguais a você querem. Como até já mencionado em algumas matérias antigas de blogs (incluindo o Tecnoblog), o melhor é manter o console de geração anterior, e quando zerar, vende e pega o next-gen. Isso já te falei, é mercado. Compensa mais para as fabricantes desta maneira. Se preferir, faça como Ben Heck e faça um tudo-em-um :)
Exibir mais comentários